Arquivo | janeiro, 2013

Boletim de 31/01/2013

31 jan

BOLETIM DE 31/01/2013

Boletim de 24/01/2013

27 jan

BOLETIM DE 24/01/2013

Aldo Bertoni Sai do Hospital

18 jan

Hospital São Luiz

Muitos apostólicos andaram se perguntando, na festa de Ano Novo na Sede: “por que o santo primaz não veio nos cumprimentar?” Meus caros, infelizmente só fizemos essa descoberta na semana passada, quando soubemos, através de um irmão que ainda é funcionário pessoal do Aldo Bertoni, que o “santíssimo profeta” estava internado no Hospital São Luiz (Unidade Morumbi), em lastimável estado de saúde. Para que ninguém dissesse que era mentira, tentamos ligar para o hospital e perguntamos sobre a situação do paciente Aldo Bertoni, e nossa intenção era gravar a ligação para posteriormente todos poderem ouvir. Entretanto, havia ordens expressas da família do paciente para não informar nem mesmo se ele estava naquele local. Só conseguimos confirmar a versão através do envio de um emissário que possuía bons contatos naquele hospital.

O fato, meus caros, é que somente esta semana Aldo Bertoni teve alta e agora está em seu apartamento no Brooklin, em prisão domiciliar novamente. E ninguém do povo apostólico está sabendo da real situação.

Tal fato serve para evidenciar a falta de respeito e o menosprezo do Aldo Bertoni por seus fiéis, cegos e fanáticos seguidores. Muitos saíram de suas longínquas cidades para irem à Sede no Ano Novo, nas esperança de ao menos vê-lo, e sequer foram informados da verdade. Esta é a demonstração da grande consideração que Aldo Bertoni tem pelo povo apostólico: nenhuma! QUE SE DANEM, MAS NÃO ESQUEÇAM SUAS OFERTAS! Esta é a silenciosa mensagem que Aldo Bertoni manda ao “seu povo”.

Aliás, Aldo Bertoni não fez nada que não tenha feito em todas as outras vezes desde que pisou na Igreja Apostólica: MENTIR PARA OS APOSTÓLICOS. Não seria dessa vez que demonstraria qualquer respeito pelos “fedidos”, como ele costuma chamar quem vai beijar suas mãos.

Vejam, abaixo, como o povo está preocupado com a situação do falso profeta:

Temor dos Apostólicos

Não é à toa que muitos apostólicos estão preocupados com o falso e mentiroso profeta diabólico. Sua morte representará tudo o que eles mais temem: ter de reconhecer que estão errados e que foram enganados por um homem muito esperto, frio, cínico e maquiavélico por quase 50 anos.

Temor dos Apostólicos

O rapazote do Acre, o jovem blogueiro Mychael Douglas, criou a desculpa mais original: Aldo Bertoni não fez a menor questão de, PELO MENOS, ir acenar suas mãos imundas para os apostólicos durante o Natal e Ano Novo porque estava se recuperando de “PROBLEMAS DE SAÚDE CORRIQUEIROS, TÍPICOS DA REGIÃO PAULISTA”.

O que seria um problema de saúde típico de São Paulo? Gripe? Será que lá no Acre as pessoas também não ficam gripadas? E onde foram parar os poderes do “poderoso profeta”, que dizem curar as pessoas de males muito maiores? E cadê os “santos e profetas” que Aldo Bertoni vive mandando dizer que são “companheirões” dele? E cadê a tia dele, a “vó” Rosa, que dizem falar com ele? Será que todo mundo o abandonou, a ponto de não lhe curar nem um “probleminha de saúde corriqueiro”, segundo o jovem do Acre?

O povo se preocupa tanto com ele, mas ele não dá a mínima para o povo. O povo o chama de “pai”, mas ele nunca teve e nem tem a intenção de chamar alguns de seus “filhos” para vê-lo em casa.

Percebem a ingenuidade e a infantilidade de boa parte dos apostólicos, meus caros irmãos e amigos? Não é à toa que continuam sendo feitos de palhaços pela família Bertoni e seus cúmplices, gente que só está interessada na mamata proporcionada pela oferta que o povo doa.

Bem, como todo bom apostólico, o rapazote é mal informado, por isso não sabia que seu falso profeta estava, na verdade, internado em um caríssimo hospital da capital paulista. Aliás, será que o jovem Mychael Douglas ao menos sabe que os advogados do Aldo Bertoni foram todos substituídos? Será que a pilantra Efigênia Joventino teve a dignidade de contar isso ao rapaz que se dedica tanto a defender a falsa “fé apostólica”? Temos certeza que não.

Que Deus possa amparar essa gente, no dia da grande decepção, quando perceberão que todas as “profecias” do Aldo Bertoni eram falsas, e que esse tempo todo foram ludibriados por uma bem articulada quadrilha criminosa liderada pelo próprio Aldo Bertoni e seu sobrinho Hélio Viana da Rocha.

Oremos por eles.

Fiquemos todos com Deus.

Boletim de 17/01/2013

17 jan

O Boletim da mentira e da enganação (Boletim Interno Oficial da Igreja Apostólica) desta semana está “recheado” de novidades, meus caros amigos e irmãos. Leiamos:

BOLETIM DE 17/01/2013

Primeiramente, os cúmplices do Aldo Bertoni estão fazendo um convite para comunhão em Dores do Indaiá – MG, algo que não ocorre com tanta frequência desde que Aldo teve a prisão preventiva decretada, em outubro de 2011. Apesar de ter pago a fiança de R$ 109.000,00, a justiça estabeleceu que o “santo profeta” não poderia sair da cidade de São Paulo até ser julgado. Portanto, se alguém acha que Aldo Bertoni estará nesta comunhão, como diz o ditado popular, pode ir “tirando o cavalo da chuva”.

Há muito tempo essas “comunhões” deixaram de ser cerimônias dedicadas à memória do ato de Jesus Cristo com seus discípulos. Quem foi na maioria das últimas “comunhões” no interior, sabe que quase todo o louvor entoado ali foi para o farsante Aldo Bertoni, o profeta diabólico. Idolatria pura. Além disso, se Aldo realmente quisesse que os apostólicos se lembrassem desse ato de Jesus com frequência, permitiria que todas as congregações fizessem a cerimônia da “santa comunhão” mensalmente. Mas é claro que isso até hoje não é permitido, afinal, diminuiria a oferta que vai para a Sede, para o bolso da família Bertoni, pois as congregações passariam a ter despesa com suco de uva e pão. Essa exclusividade da Sede só existe para que a comunhão continue se caracterizando como “festa”, oportunidade em que o povo costuma dispensar com mais facilidade suas ofertas especiais. Outra função das “comunhões” no interior é garantir os passeios grátis, patrocinados pelo povo, para a corja de parasitas que vivem em torno da farsante Efigênia Joventino.

Também encontramos, neste boletim, a notícia que estão abrindo três novos pontos de arrecadação de ofertas. Sequer podemos dizer que são três novas igrejas, porque lugar onde não se prega o evangelho de Cristo sequer pode ser definido como igreja. Também são apenas pequenos lugares arrumados na casa de irmãos dessas cidades, mas “vendem o peixe” como se estivessem abrindo novas congregações. É, em tempos de povo abrindo o olho, a gangue do Aldo Bertoni tem que mostrar algum trabalho, para não deixar o povo tão desconfiado com a roubalheira.

E assim, meus caros irmãos, entramos na segunda quinzena do quarto ano da nossa luta contra o criminoso Aldo Bertoni e sua corja de enganadores cúmplices. Persistamos. Continuemos a orar por esses irmãos apostólicos que são sinceros, que ainda acreditam piamente na mentira que um dia também lhes pregamos, pois caminham como inocentes ovelhinhas para o matadouro, sem nem desconfiar que o grande lobo Aldo Bertoni, disfarçado de pastor, tem sugado seu sangue semanalmente.

Fiquemos todos com Deus.

Boletim de 10/01/2013

13 jan

BOLETIM DE 10/01/2013

Boletim de 03/01/2013

9 jan

BOLETIM DE 03/01/2013