Arquivo | outubro, 2013

Boletim de 31/10/2013

31 out

Impressionante a hipocrisia dos escritores de boletins da Igreja Apostólica. Vejam que hoje, quinta-feira, é dia de divulgarem a “marmelada” da semana, o pedaço de papel cujo verdadeiro intuito é unicamente arrecadar dinheiro para a quadrilha do Aldo Bertoni. Quer ler o que João Stancey e José Roberto Rozani escreveram essa semana, para enganar os apostólicos? Clique no link abaixo:

BOLETIM DE 31/10/2013

Primeiramente, a hipocrisia está na forma como enganam redondamente o incauto povo apostólico. Enquanto o falso profeta tem apresentado atestados médicos na justiça, alegando estar “em estado de confusão mental e incapacitado para depor”, ao mesmo tempo colocam a assinatura do Aldo Bertoni (aquela digitalizada há anos) no boletim como se fosse ele próprio redigindo ou ditando o texto, e assinando o documento na data de hoje.

Aliás, caso você não saiba, a nova e derradeira audiência para novamente tentarem ouvir o covarde Aldo Bertoni foi marcada para o dia 11/04/2014. Veja no link abaixo o despacho publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo de ontem, 30/10/2013 (o despacho está no penúltimo parágrafo da página, procure pelo processo 0079701-74.2011.8.26.0050):

DESPACHO DOE 31/10/2013

Mais hipócrita ainda é a mensagem colocada neste boletim por seus escritores, intitulada “O Valor de Uma Alma Salva Para Deus, o Pai”. Vejam que o escritor do boletim, João Stancey, pega um ponto fundamental do Evangelho de Jesus Cristo, que é a pregação sobre o amor ao próximo. Seria um ótimo texto a ser ensinado aos apostólicos,  se não fosse apenas pretexto para arrecadar o dinheiro do povo. E é uma pena tratar-se de um ensino de Jesus Cristo que vai frontalmente contra uma outra pregação do Aldo Bertoni.

Vocês se lembram que até recentemente saia nos boletins a ordem do falso profeta para que os apostólicos desprezassem e ignorassem qualquer pessoa que falasse qualquer coisa negativa sobre o Aldo, mesmo que essa pessoa fosse seu amigo íntimo ou mesmo algum familiar? Pergunto aos apostólicos que nos lêem: isso é amor ao próximo? Deixar de falar com o própria familiar ou com pessoas que até ontem você chamava de “irmão”? É assim que dão importância à salvação de uma alma? Como pode o Aldo Bertoni uma hora pregar uma regra e logo depois pregar uma regra contrária?

Se você perceber, verá que esse “vai e volta” da falsa doutrina do Aldo Bertoni tem causado feridas e marcas profundas no povo apostólico. São inúmeras as famílias que sabemos estarem divididas, separadas, sem se conversarem por causa desse homem. Quando o chamamos de “profeta diabólico”, não é força de expressão, é algo real que pode ser percebido facilmente por qualquer um que tomar conhecimento de tudo o que acontece nas congregações apostólicas e na Sede. Aldo Bertoni é o “profeta da divisão”, enquanto Jesus veio para unir as pessoas, e agora que está no fim da vida, quer fazer papel de bonzinho para morrer como “santo”. Quanta hipocrisia, Sr. João Stancey! O senhor e seus filhos estão levando quanto para fazer esse papel tão hipócrita?

Convém lembrar também que a Igreja Apostólica não é um lugar de união. A Doutrina e Disciplina Apostólica está repleta de regras que desestimulam a união entre irmãos. Aldo Bertoni sabe que muitas cabeças juntas, começam a pensar! Questionar! E isso é muito perigoso para ele. Quer alguns exemplos: é proibido frequentarem festas uns dos outros, especialmente noivados e aniversários, é proibido que coralistas de uma determinada congregação vá cantar ou tocar em outra congregação sem aprovação especial do falso profeta (o que é muito difícil obter, pois ele nunca está disponível), é proibido ficarem em “rodinhas” quando vão para a Sede, e é proibido faltar às reuniões para tirar um lazer com os amigos (em que outro momento os apostólicos que trabalham a semana inteira teriam para a recreação senão o final de semana?). Enfim, a união só é permitida quando estão nas reuniões, e nesses momentos não podem conversar uns com os outros, pois devem prestar atenção no que o pregador de mentiras está dizendo do púlpito.

Igrejas evangélicas que temos conhecido são completamente diferentes: organizam acampamentos, retiros, excursões entre os membros, muitas delas possuem até quadras para o recreio dos membros, sem mencionar a importante função que as chamadas “células” tem nessas denominações, onde pessoas da igreja com as mesmas características são estimuladas a promoverem cultos domiciliares nas casas umas das outras, com o principal intuito de fortalecerem-se enquanto família Cristã. Você percebe visivelmente que a união entre irmãos de fé é muito estimulada nessas igrejas. Talvez por isso tenham um índice de abandono muito menor do que o observado na Igreja Apostólica, onde são comuns as brigas entre coralistas, a vaidade por cargos, as traições entre casais, etc.

Aliás, se você que é apostólico for na secretaria da sua congregação na próxima reunião, encontrará lá um bloco de formulários chamado “COMUNICADO”. Sabe para quê serve este formulário? Sabe para quê ele foi criado, ainda nos anos 60? Para algum “irmão” lhe “caguetar” para o Aldo Bertoni, caso suspeitem que você esteja fazendo alguma coisa contrária à “santa doutrina e disciplina”.

Em minha vida de pregador por muitas vezes transportei esses formulários para a Sede. A maior parte continha pura fofoca sobre a vida alheia, um festival de delação estimulada pelo próprio Aldo Bertoni e sua secretária e cúmplice Efigênia Joventino, para garantir que o falso profeta “soubesse de tudo o que estava acontecendo”. É assim que funciona a tal “onisciência” do Aldo Bertoni, na base da delação entre irmãos.

Pergunto: esse é o amor ao próximo que o Aldo Bertoni supostamente está mandando colocar neste boletim? É assim, “caguetando” uns aos outros e tomando conta da vida alheia, que pretendem demonstrar o quanto a salvação de uma alma é importante para Deus? Curioso observar que muitas e muitas vezes vimos apostólicos demonstrarem grande prazer em ver seu “irmão” sendo punido pela “santa direção”. Que amor mais sádico, não?

Não adianta, meus caros irmãos apostólicos, enquanto vocês não deixarem de lado esse orgulho tolo, não se arrependerem de toda idolatria que praticam, e não reconhecerem o Filho de Deus, Jesus Cristo, como seu Único e Suficiente Salvador, nunca poderão vivenciar dentro da Igreja Apostólica esse amor pregado por Cristo.

Que Deus possa salvar nossos ingênuos irmãos apostólicos. Fiquemos todos com Deus.

Aniversário de Morte

26 out

Rosa Alves (Santa Vó Rosa)

Talvez a Igreja Apostólica seja a única denominação religiosa no mundo que comemora o aniversário de morte de alguém. Os Cristãos costumam comemorar a RESSURREIÇÃO de Jesus Cristo, mas os apostólicos comemoram a morte da senhora Rosa Alves, a tia do esperto Aldo Bertoni. Hoje, dia 26 de Outubro de 2013, faz 43 anos que Rosa foi atropelada por um taxista entre as cidades de Suzano e Poá, na Grande São Paulo, quando o carro em que viajava quebrou, todos tiveram de descer, e ela atravessou a rua sem olhar para os lados.

Naquele momento se iniciava o grande golpe que fez com que seu sobrinho deixasse de ser um taxista pobre e passasse a ser o milionário que é hoje. A história completa hoje todos conhecem, hoje temos condições de conhecer, mas por décadas acreditamos nas mentiras de Aldo Bertoni a respeito de sua própria tia. Infelizmente, ali iniciava-se a queda da Igreja Apostólica, que era uma igreja cristã, para tornar-se a seita idólatra que é hoje.

Enquanto relembramos estes tristes fatos, os ingênuos e fanáticos apostólicos comemoram a morte de Rosa. Acham que não foi uma morte, mas um arrebatamento, e passaram a achar isso após esperarem por uma semana a sua ressurreição, durante seu velório em 1970. E nossos irmãos apostólicos são tão ingênuos, mas tão ingênuos, que enquanto estão comemorando, Aldo Bertoni continua aprontando pelas costas de todos.

Vejam que na semana passada, Aldo Bertoni apresentou atestado médico à justiça paulista alegando estar incapacitado fisicamente e mentalmente para prestar um simples depoimento à justiça, para que seu julgamento finalmente seja concluído após quase 2 anos de trâmite. Mas, “misteriosamente”, continua ditando e assinando boletins pedindo dinheiro ao povo. Veja abaixo:

Boletim Igreja Apostólica 24-10-2013

Alguns apostólicos ficam zangados quando os chamamos de tolos, de ingênuos, mas não é a esse papel que estão se prestando? Os advogados do falso profeta apresentam documento médico atestando que ele não consegue sequer falar, está apresentando sinais de confusão mental, e mesmo assim o homem tem discernimento para ditar ou escrever texto tão longo? Será que tais apostólicos estão tão cegos a ponto de não conseguir perceber que estão sendo enganados? Ou estão compactuando com a mentira, mesmo quando Jesus Cristo nos ensina que o pai da mentira é o próprio diabo?

Vejam que para prestar depoimento à juíza, Aldo Bertoni está ruim, mas para pedir dinheiro, continua com o mesmo empenho de sempre:

Boletim Igreja Apostólica 17-10-2013

Nos perguntamos se os apostólicos vão cair nesse golpe novamente. Há quantos anos você ouve pedidos de dinheiro para comprar propriedades que permitam a expansão da Sede? Eu ouço há pelo menos 15 anos, e quase nada foi feito. Fizeram uma campanha em 2004, a do Jubileu, justamente para comprar propriedades, e absolutamente NADA foi expandido.  Apenas recentemente foi comprado, com Campanha específica para isso, um prédio velho que é utilizado como garagem. Não vamos nos alongar neste assunto, porque já disponibilizamos muitos dados e informações neste blog para que todos os apostólicos vejam como estão sendo espoliados pela quadrilha do Aldo Bertoni.

Que Deus ajude nossos pobres irmãos apostólicos, pessoas trabalhadoras e de boa vontade, a também conseguirem enxergar que hoje estão se esforçando para ajudar um autêntico profeta do diabo.

Fiquemos todos com Deus.

O Profeta Covarde

19 out

Processo Aldo Bertoni em 18-10-2013

Clique nas imagens para visualização em maior tamanho

É impressionante, meus caros irmãos e amigos. Enquanto os cegos, fanáticos e incautos apostólicos continuam idolatrando e adorando Aldo Bertoni como se ele fosse “santo” ou “representante de Deus” na Terra, o homem continua mostrando o quanto é covarde. Na hora de aprontar, foi bastante homem para usar de suas artimanhas para enganar mulheres ingênuas, mas agora que tem de responder pelos seus atos, se esconde igual a um rato nos subterrâneos da cidade.

Anteontem, dia 16 de outubro, seria o dia em que Aldo Bertoni finalmente faria papel de homem e se apresentaria para ser ouvido pela justiça. Conforme decisão judicial anterior, a que todos tiveram acesso através deste blog ou através de despacho publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo, caso Aldo não pudesse se locomover até o Fórum Criminal da Barra Funda, a juíza e seus auxiliares iriam até onde ele estivesse, seja em sua casa ou internado em algum hospital. Entretanto, na semana passada, o advogado do Aldo Bertoni, Sr. Sérgio Gomes Ayala, apresentou atestado médico afirmando que Aldo Bertoni sequer está falando, está mentalmente confuso e não tem qualquer condição de prestar depoimento.

Mas não é isso que está acontecendo na prática. Apesar de raramente sair de casa, Aldo Bertoni tem sido visto recentemente na Igreja Apostólica e até tem cumprimentado fanáticos apostólicos. Vejam este comentário captado em Rede Social:

Quem Está Mentindo?

Quem você acha que está mentindo? Essa moça que diz tê-lo visto na Sede da Igreja Apostólica no dia 10 de outubro, ou o Aldo Bertoni, cujo atestado médico emitido naquela mesma semana diz que ele não consegue ficar em pé e nem está falando?

Aldo Bertoni claramente está mentindo para a justiça. Aldo sabe que será condenado, e quando isso acontecer, sabe que a imprensa poderá voltar a divulgar o caso, pois hoje está impedida em virtude do “Segredo de Justiça” decretado para o processo. Além disso, os cúmplices do falso profeta abusador sexual sabem que se Aldo morrer sem ser condenado, será mais fácil de fazer o povo apostólico engolir a história que já estão inventando para justificar sua morte.

Diante desta situação, consultamos advogados, a justiça e o Ministério Público sobre tal ocorrência. Eles nada podem fazer diante de um atestado médico legítimo, atestando a saúde precária do réu, e a única solução seria filmar Aldo Bertoni cumprimentando fiéis na Igreja Apostólica ou conseguir declarações de pessoas que o VIRAM na igreja dando a mão para os fiéis beijar. Se a juíza emite sentença à revelia, sem ouvir o réu, aumentam as chances dos advogados tentarem reverter a decisão em segunda instância.

Pessoas sedentas por justiça já até nos sugeriram nos valermos da mentira e “arrumarmos” as tais declarações. Ocorre que desde o princípio sempre levamos a sério estas denúncias, nunca nos valemos da mentira em nenhuma situação, e não seria agora que o faríamos. Não somos e nem queremos nos parecer com o Aldo Bertoni, que sempre se valeu da mentira para conseguir seus intentos. Portanto, para conseguirmos provar que os atestados médicos que estão sendo apresentados por Aldo Bertoni para não comparecer às audiências são falsos, precisamos da ajuda de pessoas que REALMENTE TENHAM VISTO Aldo Bertoni na Sede da Igreja Apostólica, do mês de setembro para cá. Mesmo que você tenha ou esteja passando na rua, se o viu lá, sua declaração é válida.

Você, que ainda frequenta a Igreja Apostólica por algum motivo, mas que sabe de todas as falcatruas e das mentiras do Aldo Bertoni, peço que nos ajude. É o único caminho que temos para evitar que esse bandido continue rindo da justiça e morra sem a punição que merece, pois ele tem se valido dos ótimos advogados que o dinheiro dos apostólicos pode contratar. Se você também quer ver justiça sendo feita, e se você VIU Aldo Bertoni na Sede da igreja nos últimos dias, nos encaminhe através do e-mail acordapovoapostolico@gmail.com o seu nome e telefone, e o Ministério Público entrará em contato com você para acertar a assinatura de uma declaração. O intuito é provar que Aldo Bertoni está cometendo também o crime de Fraude Processual, com o único objetivo de retardar a conclusão de seu julgamento. Se isso ficar comprovado, automaticamente Aldo estará dando um atestado de culpa, e mesmo sem ouvi-lo,  a juíza poderá emitir a sentença.

Fique tranquilo que seu nome será preservado, para que não sofra retaliação dos fanáticos ou dos cúmplices do bandido Aldo Bertoni. O processo está em Segredo de Justiça e somente os advogados e o Ministério Público tem acesso a ele.

Contra bandidos ricos tem que ser assim, meus caros irmãos e amigos. Se não acompanharmos de perto, escapam da justiça assim como astutos ratos que se esvaem pelos esgotos diante de qualquer ação humana.

Fiquemos todos com Deus, e nunca percamos a esperança na justiça, dos homens e a divina.

O Fator Rondônia

1 out

Finalmente adentramos no mês de outubro, um mês que será decisivo no julgamento do criminoso e falso profeta Aldo Bertoni, referente ao processo por abuso sexual mediante fraude. Como todos que acompanham o processo devem saber, no próximo dia 16, às 14 horas, Aldo Bertoni finalmente será interrogado pela juíza que o julga, esteja ele onde estiver, em sua casa ou internado em algum hospital, haja vista que o “profeta fujão” está escorregando desse interrogatório há pelo menos 10 meses, alegando, através da apresentação de atestados médicos, não ter condições de saúde para ir até o fórum nas datas em que foi convocado.

Mas não é só isso. Há outro fator que também está atrasando o julgamento do Aldo Bertoni. Você se lembra daquela extensa lista de testemunhas de defesa que foi arrolada pelos advogados do Aldo Bertoni para defendê-lo, mesmo se tratando de pessoas fanáticas que não sabem nada sobre a vida particular do falso profeta, ou de pessoas que dependem financeiramente dele?

Uma dessas testemunhas é um fanático apostólico chamado OBERDAN OLIVEIRA MARQUARDT, que frequenta a congregação da cidade de Jarú, no Estado de Rondônia. Trata-se de uma congregação que possui por volta de 50 frequentadores (se tiver), localizada em uma cidade que possui pouco mais de 50 mil habitantes no interior de Rondônia.

O fato, caros irmãos e amigos, é que o tal Oberdan foi convocado pela primeira vez para prestar seu depoimento em 31 de janeiro deste ano, e até o momento ainda não compareceu à audiência e nem às suas remarcações. Por diversas vezes, conforme você poderá ver nos documentos abaixo, obtidos no site do Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia, os advogados do Aldo Bertoni solicitaram o adiamento da oitiva desta testemunha.

Despacho TJ-RO – 05/12/2012

Despacho TJ-RO – 10/12/2012

Despacho TJ-RO – 11/03/2013

Despacho TJ-RO – 18/04/2013

Despacho TJ-RO – 16/05/2013

Despacho TJ-RO – 17/07/2013

Despacho TJ-RO – 31/07/2013

Despacho TJ-RO – 07/08/2013

Despacho TJ-RO – 20/08/2013

Despacho TJ-RO – 30/08/2013

Despacho TJ-RO – 31/08/2013

No antepenúltimo despacho você poderá ver que, cansado de tanta enrolação, o juiz Dr. Adip Chaim Elias Homsi Neto, lá da cidade de Jarú, determinou que o apostólico OBERDAN compareça impreterivelmente para depor no dia 30 de outubro de 2013, às 11 horas, no fórum da cidade.

A grande pergunta é: por qual motivo essa testemunha ainda não foi ouvida? A exemplo do próprio Aldo, que ainda não foi ouvido em São Paulo, por que entram com constantes pedidos de adiamento da oitiva? Se Aldo Bertoni é inocente, não deveria ter interesse em encerrar logo esse processo e dar por enterrado todo esse escândalo que jogou o nome da Igreja Apostólica na lama e no folclore brasileiro? Por qual motivo ficam se valendo de tais medidas protelatórias?

Sabemos que tais medidas têm como único objetivo adiar ao máximo o fim do julgamento. Os advogados sabem que se todas as testemunhas de defesa não forem ouvidas, podem pedir a anulação do julgamento alegando “cerceamento da defesa”. Então, a ideia foi dificultar ao máximo a oitiva de todas as testemunhas, pois sabem que a juíza seria obrigada a ouvi-las.

Aldo Bertoni sabe que sua condenação é certa, e sabe que quando sair a sentença, a imprensa voltará a noticiar o caso, algo que teme muito. Para os cúmplices do Aldo Bertoni, o interessante é que o “último profeta” morra sem nenhuma condenação, pois isso os ajudará a prosseguir com a enganação que permite a fácil obtenção de dinheiro através das ofertas. E para os advogados do Aldo Bertoni, especialmente o Dr. Sérgio Gomes Ayala, é bem interessante ir empurrando o processo com a barriga, pois os advogados são bem remunerados para acompanhar o processo. Logo, adivinhem quem está pagando os advogados? Sim, você que ainda acredita no bandido Aldo Bertoni.

Portanto, o interessante para essa quadrilha criminosa é que tudo fique como está, pois continuam tendo acesso à farta arrecadação financeira da Igreja Apostólica.

Mas sabe o que é mais impressionante? É tomar conhecimento do que andam dizendo os “bobocas” apostólicos. Sim, muitos apostólicos ficam revoltados em serem classificados como “bobocas”, “tolos”, “ingênuos”, entre outros termos bem apropriados, mas não é a esse papel que estão se submetendo?

Vejam o que publicaram no infame e “boboca” blog “Avante Povo Apostólico”, talvez a mais ativa frente de defesa do profeta-bandido Aldo Bertoni na internet:

Blog Avante Povo Apostólico

Às vezes pensamos que esse povo, que não se preocupa em verificar nada do que realmente está acontecendo, merecem ser enganados, explorados, e feitos de bobos pela família Bertoni. O melhor seria deixá-los lá, sustentando as barbaridades do Aldo e de seus cúmplices, mas não é isso que Jesus nos ensina, ao contrário, Cristo nos ensina a SEMPRE procurarmos ajudar ao próximo, ainda mais quando se trata de pessoas que foram muito próximas de todos nós, e que sabemos serem inocentes.

Os apostólicos que fazem o tal blog notoriamente são pessoas mal informadas, que não procuram saber a verdade, e influenciam outros apostólicos ingênuos a continuarem a acreditar em tais mentiras. Até são bem intencionados, estão defendendo aquilo que creem, mas essa atitude está sendo usada e servindo aos interesses dos cúmplices e corruptos que gravitam em torno do Aldo Bertoni. Essa manipulação de mentes, caros irmãos e amigos, é apenas o início de um processo de manutenção dos benefícios financeiros de alguns poucos em detrimento de muitos, que ocorrerá assim que Aldo Bertoni vier a falecer.

Quem viver, verá!

Você acha que a família Bertoni abrirá mão tão facilmente da “galinha dos ovos de ouro” que há 40 anos os permite viver no maior luxo, que os possibilitou acumular milhões de reais em bens, carros de luxo, apartamentos e casas de luxo, viagens ao exterior, etc? Só a libertação do povo apostólico, o encontro dessas pessoas com Jesus Cristo, poderá evitar que tais crimes continuem a ocorrer. Como já bem disse Jesus: “Conhecereis a verdade, e a verdade os libertará” (João 8:32).

Fiquemos todos com Deus, sempre em oração pela libertação dos enganados irmãos apostólicos.