Tag Archives: abuso sexual

Aldo Bertoni: Aniversário de Morte

5 maio

Hoje, 05 de Maio de 2019, fazem 5 anos que o criminoso, mentiroso, enganador e falso profeta Aldo Bertoni faleceu, após alguns meses de internação em um dos hospitais mais caros do país. Desde então, felizmente muitos apostólicos se libertaram das mentiras da Igreja Apostólica, principalmente por perceberem que nada do que a Igreja Apostólica nos ensinou a vida toda, estava se cumprindo. Era apenas mais um falso profeta. Porém, infelizmente muitos ainda continuam no caminho do engano e da escravização de mentes e corpos, e nesse momento, pasmem, estão comemorando esse evento em que Deus mostrou que homem nenhum pode zombar do Senhor e sair impune.

* * *

Mas sabe o que é mais impressionante? É a cara de pau e a falta de caráter da atual direção da Igreja Apostólica. Cada um deles, e é importante citarmos os nomes de cada um desses filhos de satanás, sabem de toda a verdade sobre Aldo Bertoni. E continuam enganando alguns poucos milhares de incautos, ingênuos e fanáticos, em troca de poder e dinheiro.

Será que José Solyom Filho, Wagner Ormanji, Carlos Alberto Trevisan e Efigênia Joventino não tem medo do inferno que lhes espera se continuarem a zombar de Deus, propagando tantas mentiras a respeito de Aldo Bertoni? A impressão que temos é de que estas pessoas não acreditam em Deus. Não acreditam na justiça de Deus. Se acreditassem, não estariam fazendo o que fazem. Estas pessoas SABEM que Aldo Bertoni nunca foi quem dizia ser, SABEM que Aldo Bertoni roubou a Igreja Apostólica por 44 anos, SABEM que entre outras aberrações, Aldo Bertoni sustentava amantes com o dinheiro das nossas ofertas e abusava sexualmente de algumas fiéis incautas que iam procurar sua ajuda.

Eles sabem de tudo isso, mas continuam mentindo para VOCÊ, apostólico fanático e incauto. Mentem porque sabem que se você souber a verdade, sairá da Igreja Apostólica, deixará de dar sua oferta, e isso, perder poder e dinheiro, não interessa nem um pouco a nenhuma dessas pessoas.

Veja aqui a quantidade de mentiras que escreveram no Boletim desta semana, que foi pregado neste final de semana em todas as quase 300 filiais da Igreja Apostólica:

* *

BOLETIM DE 02/05/2019 (clique para abrir)

* * *

Como nossa “homenagem” aos 5 anos da morte do homem que nos roubou e enganou por décadas, publicamos abaixo um documento obtido em um dos processos judiciais que envolvem Aldo Bertoni. Quem nos enviou esse documento foi um precioso irmão da cidade de Marília (SP), que fez chegar até nós a informação de que não se importa do seu nome ser divulgado neste Blog. Trata-se do irmão Édio Rocha, que foi excluído da Igreja Apostólica há poucos meses por simplesmente ter questionado o Conselho Deliberativo acerca de documentos, como este, que havia obtido cópia em processos judiciais que envolvem o falso profeta Aldo Bertoni.

Agradecemos ao precioso irmão pela colaboração, e ficamos felizes em saber que apostólicos do interior, claramente as maiores vítimas de toda essa trama, estão checando em cartórios e tribunais informações que divulgamos neste Blog desde aproximadamente o ano de 2009, quando também descobrimos isso que estes irmãos estão descobrindo agora, e até fomos ameaçados de morte pelo próprio Aldo Bertoni caso essas descobertas viessem a público.

Se você também teve acesso a documentação sobre Aldo Bertoni e seus comparsas da Igreja Apostólica que ainda não foram divulgadas neste Blog, incentivamos que também nos enviem para que possamos divulgá-lo aqui. Apesar de praticamente mantermos este Blog inativo desde o ano de 2015, ainda registramos em média cerca de 400 acessos diários originados em dispositivos (IPs) diferentes, o que nos permite concluir que, em média, diariamente cerca de 400 pessoas diferentes consultam nosso Blog, sobretudo publicações antigas, da época em que o criminoso Aldo Bertoni ainda estava vivo.

Para nos contatar, basta escrever para o e-mail acordapovoapostolico@gmail.com.

O documento abaixo nada mais é que o processo judicial em que uma filha adotiva de Aldo Bertoni, cuja mãe era amante do “santo profeta”, pede sua inclusão no milionário inventário de Aldo Bertoni, e é atendida pela justiça.

Caro amado irmão e amigo apostólico, leia o documento, tire suas próprias conclusões, e questionem o Conselho Deliberativo sobre os filhos que Aldo Bertoni teve fora de seu casamento. Mas não faça isso sozinho, reúna um bom número de pessoas para questionar o tal Conselho, caso contrário acontecerá com você exatamente o que aconteceu com o irmão Édio Rocha, da congregação de Marília: será sumariamente excluído da Igreja Apostólica.

Fiquem com Deus, e boa leitura.

*

PROCESSO CASO BRUNE BERTONI (CLIQUE PARA DOWNLOAD)

* *

ATENÇÃO: Neste Blog não praticamos nenhum tipo de intolerância religiosa. Falamos, como ex-vítimas da quadrilha criminosa do Aldo Bertoni, de fatos que ocorrem e podem ser devidamente comprovados. Nos reservamos ao anonimato devido às constantes ameaças – inclusive de morte – recebidas de comparsas do criminoso Aldo Bertoni. Este site está completamente de acordo com a Primeira Emenda da Constituição dos Estados Unidos da América, país onde encontra-se hospedado.

Seguindo os Passos de Aldo Bertoni

13 dez

Se você acompanhou algum noticiário hoje, deve ter se deparado com a reportagem acima. No post anterior, quando dissemos que a história dos abusos sexuais cometidos pelo falecido Aldo Bertoni estava se repetindo, mas agora protagonizada por um outro falso profeta, não era força de expressão.

Até o desenrolar dos fatos está idêntico. Os dois abusaram de mulheres fiéis, que acreditavam em seus supostos dons sagrados, por anos a fio. Os dois diziam a elas coisas parecidas: “não conte nada para ninguém”, “se você contar ninguém vai acreditar em você, todos vão acreditar em mim”, “isso que estou fazendo é para curar você, você não pode duvidar”. Nos dois casos, as mulheres se calaram por anos, com medo da represália que poderiam sofrer, inclusive de seus próprios familiares, mas principalmente a represália vinda dos fanáticos seguidores dos falsos profetas.

Nos dois casos, eles se dizem (ou diziam, no caso do falecido Aldo Bertoni) inocentes. Para “provar” que são inocentes, até voltam a circular entre seus fanáticos fiéis, mas correm de medo da imprensa. Nos dois casos, o Ministério Público só foi pedir prisão dos acusados depois que a denúncia saiu na imprensa.

 

Vejam se as duas reportagens, a de 14/09/2011 sobre Aldo Bertoni e essas agora sobre João de Deus, não são parecidas. Parece que só trocaram o nome do acusado, o enredo é o mesmo!

* * *

O que aconteceu com Aldo Bertoni você já sabe. Logo depois de denunciado, o Ministério Público pediu sua prisão e a justiça a concedeu. Mas aí seus advogados, alegando que o indiciado era idoso, pediu a substituição da prisão por medidas cautelares, o que foi concedido no caso do ídolo da Igreja Apostólica. Em novembro de 2011, Aldo Bertoni teve a prisão preventiva substituída pelo pagamento de uma fiança de R$ 109.000,00 (tudo bancado pelas ofertas doadas para a Igreja Apostólica), proibição de sair da cidade de São Paulo, obrigação de se apresentar no fórum mensalmente e retenção do passaporte.

Em 2012 iniciou-se o julgamento de Aldo Bertoni, que passou a apresentar atestados médicos para faltar às audiências, o que atrasou severamente o julgamento, já que cada vez que uma audiência era cancelada pela ausência do réu, uma nova audiência era marcada para meses depois. Em 2013, houveram três tentativas de audiências, e nas três Aldo Bertoni faltou, só compareceram seus advogados portando atestados médicos que afirmavam que ele não conseguia nem falar, quanto mais andar. Até que Aldo morreu em maio de 2014 sem ter o julgamento concluído. E boa parte de seus fanáticos fiéis, continuam repetindo, como papagaios de pirata, que Aldo era inocente, e que as vítimas é que não prestam.

Querem apostar quanto que o enredo da história de João de Deus será idêntico?

Fiquemos todos com Deus.

João de Deus e Aldo Bertoni: A História Se Repete

9 dez

E o caso volta a acontecer: mulheres fiéis são abusadas sexualmente pelo “santo líder”, inquestionável, irrepreensível, o que as faz se calarem por anos, diante das ameaças de serem desacreditadas, diante da vergonha em denunciar. Relembre aqui o caso Aldo Bertoni e veja como é idêntico ao caso João de Deus.

* * *

Esta semana novamente o Brasil se estarreceu com mais um caso de líder religioso acusado de abusar sexualmente de várias de suas fiéis. Trata-se do médium espírita João Teixeira de Faria, conhecido nacionalmente e internacionalmente como “João de Deus”, cujo templo sede fica na cidade de Abadiânia, Estado de Goiás.

Se você é ou já foi apostólico, ou conhece o caso Aldo Bertoni, temos certeza de que foi inevitável a comparação entre os dois casos, pela enorme semelhança do que aconteceu. Claro que o caso de João de Deus terá muito mais repercussão, pois a quantidade de pessoas que dizem professar a fé espírita é incomparavelmente maior que a quantidade de pessoas que seguem a Igreja Apostólica, mas trata-se de uma oportunidade ímpar de relembrar uma história que até hoje a Igreja Apostólica não admite e esconde de seus membros, apesar dos atuais líderes saberem das minúcias do caso e vários deles terem certeza de que tudo realmente aconteceu.

Vejam como os casos se parecem:

  • João de Deus até essa semana era um líder espiritual inquestionável. Atribui-se a ele muitas curas e isso fazia com que pessoas, desesperadas em suas causas pessoais, o procurassem para obter algum alívio ou mesmo a cura. Assim como Aldo Bertoni, fazia isso há mais de 40 anos.
  • Vejam na reportagem do Fantástico abaixo o impressionante relato de algumas mulheres sobre como foram abusadas por João de Deus. Depois vejam a reportagem do Repórter Espetacular, de 7 anos atrás, sobre Aldo Bertoni, e vejam como a dinâmica dos abusos se repetem. Tanto Aldo Bertoni como João de Deus davam as mesmas instruções às suas vítimas: “você não pode contar nada do que acontece aqui para ninguém”, “preciso fazer isso para você ser curada”.
  • Até agora, há relatos de mulheres que foram abusadas desde os anos 90. Assim como no caso de Aldo Bertoni, elas se calaram por medo de ninguém acreditar nelas, diante do poder do líder religioso sobre seus seguidores.
  • Exatamente como aconteceu na Igreja Apostólica, muitos fiéis de João de Deus simplesmente dizem que as vítimas são mentirosas, estão inventados fatos para incriminar o “santo líder”.
  • Da mesma forma como aconteceu no caso Aldo Bertoni, não há provas concretas para incriminar o réu, haja vista o tempo passado desde a ocorrência dos fatos e a dificuldade de se provar tais crimes. Tanto João de Deus quanto Aldo Bertoni, sabiam e se aproveitaram disso.
  • Quando a primeira vítima do abusador Aldo Bertoni resolveu denunciá-lo e isso se tornou público, várias outras vítimas logo surgiram e também denunciaram, ao perceber que o caso não tinha ocorrido somente com elas. Oficialmente, 15 mulheres denunciaram Aldo Bertoni no Ministério Público do Estado de São Paulo, mas sabemos de dezenas de outros casos de mulheres que sentem vergonha em fazer isso, ou temem a represália de familiares apostólicos.

 

Vejamos a reportagem do Fantástico sobre João de Deus:

 

 

Agora relembremos a reportagem sobre Aldo Bertoni, e constate como os casos se parecem:

 

 

Até quando isso ocorrerá em nosso país? A Bíblia responde: “Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta seu coração do SENHOR!” (Jeremias 17:)

Fiquemos todos com Deus, sempre em oração para que assim como desejamos que nossos irmãos apostólicos sejam libertos da idolatria e da mentira, os irmãos espíritas também possam ter um encontro pessoal com Jesus Cristo, o único que pode lhes trazer verdadeiro alívio, cura para suas feridas e salvação para suas almas.

Coroação? Que Coroação?

5 maio

santo-servo-de-deus-3

Essa era a tal “coroação”? Muitos apostólicos, pela segunda vez na história, engoliram uma verdadeira fraude religiosa. Como nos ensina a Bíblia, “erram por falta de conhecimento” (Oséias 4:6)

* * *

Há exatos dois anos, era anunciada pela Igreja Apostólica a morte do falso profeta Aldo Bertoni. Algo que já sabíamos havia meses, pegou os incautos apostólicos de surpresa, apesar de nossos constantes alertas, onde informamos até o número do quarto de UTI onde Aldo estava internado no Hospital Israelita Albert Einstein, um dos mais caros e luxuosos do país.

A primeira notícia que demos a respeito da gravidade da saúde de Aldo Bertoni foi em 26 de Março de 2014. Quer se recordar dos nossos constantes alertas? Clique nos links abaixo:

– –

Notícias do Aldo Bertoni – 26/03/2014

Boletim de 27/03/2014

Boletim de 03/04/2014

Visite o Aldo Bertoni no Hospital – 08/04/2014

Boletim de 10/04/2014

Boletins de 17 e 24/04/2014

Triste Fim de um Falso Profeta – 02/05/2014

Vem Aí o Novo Golpe! Parte  1 – 03/05/2014

Vem Aí o Novo Golpe! Parte 2 – 04/05/2014

O criminoso Aldo Bertoni foi internado pela última vez em fevereiro de 2014. Nunca mais saiu vivo daquele hospital. Em março de 2014, devido ao agravamento de seu quadro, foi transferido do quarto onde estava internado para um quarto de UTI. Sim, nesse luxuoso hospital bancado pela oferta dos apostólicos, existem UTIs individuais.

Seis dias antes de sua morte, foi constatado que seu quadro de morte era irreversível, e devido às fortes dores que sentia, foi colocado em coma induzido. E o povo tolo, principalmente do interior, achando que estava tudo bem. Afinal, era isso que os “pastores da mentira” lhes contavam nas reuniões semanais.

Curiosamente, mesmo estando praticamente internado desde dezembro – pois cada vez que tinha alta, já voltava para o hospital alguns dias depois – na Igreja Apostólica continuavam a ser editados Boletins semanais que eram supostamente escritos e assinados por Aldo Bertoni! Mesmo na semana em que estava em coma, saiu Boletim assinado por ele! Verdadeiro “milagre”, não acha? Será que a mão do falso santo ia sozinha até a sede da Igreja Apostólica para escrever os boletins?

Nesse meio tempo, seus cúmplices começaram a planejar a sucessão. Afinal, a “galinha dos ovos de ouro” – a Igreja Apostólica – não poderia morrer. Aldo sim, mas a máquina de dinheiro não. Foi aí que seus cúmplices modificaram tudo que havia sido pregado antes, para declararem a COROAÇÃO DO ALDO BERTONI.

*

Enterro-AldoBertoni-02

Aldo Bertoni a caminho da “coroação”

* * *

Sim, coroação. Por quase 40 anos, foi pregado de todos os púlpitos da Igreja Apostólica que Aldo Bertoni não morreria, mas arrebataria a igreja com ele no fim do mundo. Mas como o “deus” apostólico é fraquinho e confuso, parece que fracassou novamente e teve de mudar de ideia novamente. Sim, novamente, porque esse era o plano original para Rosa Alves, a “santa vó”. Ela também dizia que não ia morrer, e arrebataria com ela todos aqueles que fossem fiés. Mas morreu e nada aconteceu, assim como aconteceu com seu esperto sobrinho Aldo Bertoni.

Nossa História, Nossas Vitórias

Aí está, no livro “Nossa História, Nossas Vitórias”, escrito pela Missionária Odete e Aldo Bertoni, e uma das principais obras da “doutrina apostólica”: Aldo Bertoni viveria até o FIM DA IGREJA APOSTÓLICA. O que será que deu errado?

*

Existe até um hino sobre o tal dia da “coroação” do Aldo Bertoni. Veja a letra:

*

Estaremos todos reunidos

Na grande festa que se dará

A coroação do Santo Primaz

Com grande glória acontecerá

E reunidos em grande amor

Festejaremos com louvores

E o nosso Deus muito se alegrará

E toda corte também cantará

Eu quero estar

Na grande festa

Que lá no céu se dará

Será a coroação

Do nosso santo e querido irmão Aldo

E preparado para este dia

Eu quero estar santificado

Adornado com virtudes gloriosas

Quando tudo for consumado

Eu quero estar servindo assim

E a cada dia ser bem melhor

É o fruto que eu posso oferecer

Óh! Santa vó e mãe querida

Nos prepara

Óh! Santa Vó

Com tua santa mão

Com o teu grande amor

Nos ensina a te amar

Na coroação do teu santo sucessor

Nós queremos estar

E para sempre louvar

Um belo hino de louvor

Eu quero estar para cantar

Amém

* *

Se pesquisar no Youtube por “coroação do primaz” você encontrará essa aberração sendo cantada.

Dez entre dez apostólicos fiéis, entre eles nós mesmos, quando acreditávamos nesse monte de mentiras, críamos que essa tal “coroação” seria VISTA por todos os apostólicos fiéis e sinceros no dia do arrebatamento da Igreja Apostólica. Isso é o que sempre foi pregado dos púlpitos.

Mas aí o que decidiram os corruptos cúmplices do profeta malandro? “Vamos falar que hoje é a coroação dele, e cada apostólico, quando chegar no céu, o verá coroado”. Infelizmente, para muitos essa nova versão colou. Felizmente, para muitos, esse foi um dia de libertação, quando finalmente perceberam estar diante de um dos falsos profetas contra os quais Jesus tanto nos alertou.

*

Aldo Bertoni morto

Este foi um momento de grande libertação para muitos apostólicos, quando tiveram a oportunidade de ver que foram enganados, como denunciávamos há pelo menos 6 anos

* * *

Portanto, caros irmãos e amigos, para nós hoje é um dia de libertação. Um dia onde o mundo ficou mais limpo sem a presença de um bandido enganador da envergadura de Aldo Bertoni. Um dia onde muitos irmãos apostólicos queridos puderam perceber o quanto foram enganados.

O que ainda nos deixa estarrecidos é a forma como muitas pessoas, alguns até muito inteligentes, ainda caem nesse tipo de golpe, com tanta informação disponível. Qualquer apostólico que ousar investigar a vida particular de Aldo Bertoni, deixa de ser apostólico imediatamente. Só continuam fiéis aqueles que, graças ao fanatismo religioso, insistem em tapar seus olhos e ouvidos.

Louvemos a Deus por esse dia! E continuemos todos em oração por nossos cegos irmãos apostólicos que ainda encontram-se fanatizados pela doutrina diabólica defendida pelos corruptos cúmplices de Aldo Bertoni.

Fiquemos todos com Deus.

ATENÇÃO: Neste Blog não praticamos nenhum tipo de intolerância religiosa. Falamos, como vítimas da quadrilha criminosa do Aldo Bertoni, de fatos que ocorreram e ainda ocorrem e podem ser devidamente comprovados. Nos reservamos ao anonimato devido às constantes ameaças – inclusive de morte – recebidas de comparsas do criminoso Aldo Bertoni. Este site está completamente de acordo com a Primeira Emenda à Constituição dos Estados Unidos da América, país onde encontra-se hospedado.

Boletim de 05/03/2015

5 mar

Aldo Bertoni e sua amante Maria Angela Bavaresco

Aldo Bertoni e sua amante Maria Ângela Bavaresco, na época de ouro, quando todas as suas falcatruas e sacanagens ainda estavam bem escondidas do povo apostólico. O Boletim de hoje manda os apostólicos não desfrutarem dos prazeres da vida, para viverem uma vida de “santidade” como a de Aldo. O problema é que Aldo Bertoni nunca abriu mão de desfrutar de todos os prazeres que o dinheiro roubado da Igreja Apostólica pôde lhe oferecer! Quanta hipocrisia dos dirigentes apostólicos!

* * *

Caros irmãos e amigos, atendendo a pedidos, divulgamos o Boletim Interno Oficial da Igreja Apostólica desta semana. Para acessá-lo sem ter que digitar nenhum tipo de senha ou realizar qualquer tipo de identificação, basta clicar no link abaixo e baixá-lo ou acessá-lo:

*

BOLETIM DE 05/03/2015

* *

Como sabem, o Boletim é o diabólico instrumento utilizado pelos cúmplices do bandido e falso profeta Aldo Bertoni para enganar o povo inocente, especialmente aqueles do interior, com baixa instrução e menor capacidade de investigar a vida particular do Aldo.

Na edição desta semana, é possível encontrar várias aberrações, das quais destacamos algumas:

1. No texto intitulado “O Sagrado Dever de Contribuir Para a Obra de Deus na Terra”, que normalmente abre todos os Boletins e é onde pedem dinheiro aos fiéis, encontramos a seguinte frase, no início do texto:

*

“Os apostólicos que são fiéis e consagrados a Jesus, a Santa Vó Rosa, a Maria Santíssima e ao Santo Irmão Aldo, tem recebido bençãos preciosas; confirmam que esta Igreja é dos Céus”.

*

Que mentira mais cabeluda! O fato de fiéis receberem bençãos de DEUS, só mostra o quanto o Pai é misericordioso, mesmo para aqueles que ainda estão distantes do Seu caminho e estão presos a ídolos religiosos. Como demonstramos na postagem intitulada “Pode o Diabo Fazer Milagres?” (clique aqui para relembrar), o inimigo de nossas almas é astuto e se vale de várias armas para nos afastar de Deus. Uma delas é justamente roubar a glória que deveria ser dada a Deus para seus ídolos demoníacos, como Rosa Alves (a “santa vó” Rosa) e Aldo Bertoni (o falso profeta).

Em Mateus 24:23, Jesus nos adverte contra os falsos profetas e falsos cristos que surgiriam, e que eles seriam tão perigosos a ponto de conseguir enganar até os eleitos por Ele. O Apóstolo Pedro também nos adverte em 2ª Pedro 2:1-2:

*

“E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição. E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.”

*

Não parece que Pedro está falando exatamente do Aldo Bertoni?

– Aldo, sorrateiramente e ao longo do tempo, implantou a idolatria e as heresias na Igreja Apostólica. Afastou-a completamente da Palavra de Deus, a Bíblia, ou seja, introduziu encobertamente heresias de perdição, como disse o Apóstolo Pedro.

– Aldo negou o Senhor que nos resgatou, Jesus Cristo, e ensina os apostólicos a fazerem o mesmo. O falso profeta diz que só através dele (Aldo) se chega a Jesus. Diz que Jesus não foi capaz de cumprir sua missão, era tão fraco que foi assassinado, por isso teve que mandar sua tia Rosa e depois ele mesmo, como “sucessor do consolador” e “último profeta”. Aldo Bertoni escarnece, diminui e desvaloriza o sacrifício de Jesus Cristo.

– “E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade”. Não é exatamente isso que estamos vendo na Igreja Apostólica?

Portanto, caros irmãos, o fato de ter recebido alguma benção mesmo estando na Igreja Apostólica, de forma alguma confirma que a Igreja Apostólica é “dos céus”.

2) Também encontramos neste Boletim, no texto intitulado “Santa Comunhão em Itatinga-SP”, outra tentativa de enganar o povo mais tolo.

* *

Igreja Apostólica Itatinga

* * *

Veja que destacam a presença do Presidente da Câmara de Vereadores da gigantesca cidade de Itatinga (19.000 habitantes), senhor João Bosco Borges, como se isso fosse sinal de prestígio da Igreja Apostólica perante a sociedade. A pergunta que fica é:

Esse vereador voltou para assistir outras reuniões?

Virou apostólico?

Claro que não!

Quando será que José Solyom, João Stancey e Wagner Ormanji vão aprender que políticos só vão a esse tipo de evento de olho nos votos que poderão angariar ali na próxima eleição? Como não cremos que esses três são inocentes, então estão colocando esse fato no Boletim apenas para enganar os apostólicos do interior.

Também dizem que os vizinhos da congregação de Itatinga ficaram “admirados” com a santa comunhão. Mas quantos desses vizinhos voltaram em outras reuniões? Quantos se tornaram apostólicos? Basta que qualquer um desses vizinhos pesquise o nome de Aldo Bertoni no Google, e descobrirão tratar-se de um estelionatário processado pela justiça, que abusou de mulheres e ficou milionário explorando a fé alheia.

3) Mas o pior ainda está por vir neste Boletim. Na última página, no texto intitulado “Mensagem para o Batismo – O que é viver uma nova vida?”, encontramos a maior mentira hipócrita da semana. Está escrito assim:

*

“Os que desejam desfrutar dos prazeres do mundo e desprezar a preciosa vida que a santa vó Rosa, o santo irmão Aldo e esta igreja lhes oferecem, está se arriscando ao perigo de perder a salvação de sua alma”.

*

Quanta hipocrisia! Quanta besteira! Por que não dizem nesse Boletim também que Aldo Bertoni foi o que mais aproveitou e desfrutou dos prazeres do mundo dentro da Igreja Apostólica?

Afinal, Aldo Bertoni teve várias mulheres, como todos em São Paulo sabem muito bem, e que quem acompanha este Blog também sabe. Já demos os nomes, fotos e até o endereço delas, para quem quiser verificar.

Aldo Bertoni não se contentava em andar em carrinhos simples, só ostentava carrões potentes e confortáveis, e tinha vários, um para cada dia da semana, tudo bancado com o dinheiro das nossas suadas ofertas.

* *

Carros do Aldo Bertoni

Aldo Bertoni aproveitou muito bem os prazeres do mundo, com o suado dinheiro doado pelos apostólicos inocentes. Já o apostólico fiel, deve evitar os prazeres do mundo!

* * *

Aldo Bertoni não se furtava de apreciar os melhores pratos, frequentador que era de caríssimos restaurantes da Zona Sul da cidade de São Paulo. Seus motoristas, como o João Stancey Filho por exemplo, podem dar os endereços dos restaurantes, para todo apostólico que quiser experimentar as iguarias que o “santo profeta” se esbaldava com as nossas ofertas, também poderem ir.

Aldo Bertoni também nunca se furtou de viver em confortáveis e luxuosas residências, como o apartamento do Brooklin, a casa em Alphaville (que possui uma belíssima piscina), o sítio em Ribeirão Pires (também com piscina). Tudo comprado e mantido com as nossas ofertas.

Esses são apenas alguns exemplos, de como o “adorado primaz” nunca deixou de prestigiar os prazeres do mundo que você, que acredita nele, não pode prestigiar.

Que Deus ajude nossos pobres irmãos apostólicos a acordarem e perceberem que estão adorando a um ídolo de satã, travestido de “profeta de Deus”.

Fiquemos todos com Deus.

Boletim de 19/02/2015

19 fev

Aldo BertoniAldo Bertoni: ele morria de medo da internet, pois temia ser identificado por amigos pessoais, que sempre imaginaram que ele era apenas um empresário bem sucedido. Você se lembra quando ele proibiu, em Boletim do ano de 2009, que todos os apostólicos postassem ou citassem qualquer coisa sobre a Igreja Apostólica na internet? Segundo ele, o  ridículo site da igreja já era “suficiente”.

* * *

Impressionante!

No Boletim divulgado hoje, nem uma nota sequer sobre um dos eventos mais importantes ocorridos na Igreja Apostólica nos últimos anos: a demissão, por justa causa, de seu administrador e contador!

Incrível a alienação do povo apostólico.

* *

Boletim da Igreja Apostólica – 19/02/2015

* * *

Continua tudo exatamente como Aldo Bertoni dizia a seus amigos:

“Não interessa ao povo o que acontece aqui (no escritório da igreja). A função deles é me obedecer e ofertar”.

Pelo jeito, a atual administração da igreja parece pensar da mesma forma!

O texto mais relevante deste Boletim é o intitulado “OS CUIDADOS QUE O APOSTÓLICO PRECISA TER COM OS MEIOS DE COMUNICAÇÃO: COMPUTADOR, INTERNET E REDES SOCIAIS“.

Primeiramente, é preciso relembrar aos esquecidos irmãos apostólicos, que por volta do ano de 2009, Aldo Bertoni mandou publicar no Boletim que era terminantemente proibido aos apostólicos postar ou publicar qualquer coisa (textos, imagens ou vídeos) sobre a Igreja Apostólica na internet. Segundo esse mesmo Boletim, o conteúdo que já estava no site da igreja era suficiente. Uma pena não termos cópia deste Boletim.

Claro que hoje sabemos o verdadeiro motivo dessa proibição. Para a maioria dos amigos do Aldo Bertoni, ele era apenas um bem sucedido empresário do ramo automotivo, por isso ostentava tanto luxo. Ninguém sabia da sua profissão de “santo profeta”. Para preservar esse “lado sujo”, Aldo não queria ver seu nome citado na internet. Ainda em 2009, moveu ação contra o Google para tentar impedir que seu nome fosse pesquisado na ferramenta. Desistiu da ação logo no início, quando seus advogados lhe disseram ser impossível ganhar aquela causa.

* *

Destaque03-190515.jpgEnquanto nós, apostólicos tolos, cantávamos que o nome de Aldo Bertoni deveria ser conhecido em todo o mundo, o próprio Aldo movia ação contra o Google para que o site de busca não pesquisasse nada quando alguém digitasse o seu nome. Afinal, quem deve, teme! Aldo desistiu da ação quando viu que perderia. Você pode consultar o andamento desse processo no próprio site do Tribunal de Justiça de São Paulo.

(Clique na imagem para ampliá-la)

* * *

Quando começamos a publicar vídeos e fotos da seita no Youtube, por volta de 2010, foi aí que Aldo Bertoni perdeu o controle. Como nós publicávamos mostrando a verdade sobre a sujeira existente na igreja, vários fiéis fanáticos queriam publicar defendendo a seita. Quando os cúmplices do falso profeta perceberam, já havia centenas de vídeos, fotos e perfis sobre a igreja nas redes sociais. Aí era tarde demais para proibir de novo.

A maior parte dos amigos do “santo profeta” só descobriram sua verdadeira identidade quando saíram as reportagens da TV Record e da TV Bandeirantes. Foi aí que muitos desses “amigos” desapareceram, pois não queriam ter sua imagem associada a um abusador sexual de mulheres, um explorador religioso, que enriqueceu não por seu próprio trabalho, mas às custas da fé alheia.

*

Destaque01-190515Estão falando de nós?

* * *

Vejam que ao longo desse texto, pregam aos apostólicos fanáticos que “alguns criticam o trabalho da igreja com insinuações injustas e maldosas”. Dizem, ainda, que “muitos que estavam bem, espiritualmente falando, depois de darem ouvidos e atenção às mentiras, às fofocas e às intrigas, caíram da fé e deixaram de participar das reuniões”.

Ora, quanta insolência! Quem escreve este Boletim sabe muito bem que tudo o que é dito sobre Aldo Bertoni e a Igreja Apostólica neste Blog, NÃO É MENTIRA. Se muitas pessoas saíram da igreja após tomar conhecimento do que temos divulgado, é porque foram verificar a veracidade das informações! Sempre orientamos nossos leitores a NÃO ACREDITAR no que publicamos aqui, mas sim que fossem investigar tudo o que temos mostrado. Quem fez isso, hoje está liberto da falsa doutrina e da quadrilha criminosa que explora os apostólicos há tanto tempo.

Só continuam presos no engano da Igreja Apostólica, aqueles que são fanáticos religiosos, os que não tem acesso à internet ou não sabem manusear um computador, e aqueles que sofrem de algum tipo de deficiência psicológica.

* *

Destaque02-190515Ao invés de se preocuparem com as “mentiras” da internet, os apostólicos deveriam se preocupar com as MENTIRAS DO BOLETIM, que também são postadas no site da Igreja Apostólica. Se descobrirem quem os escreve, como é a vida pessoal dessas pessoas, vão ficar extremamente decepcionados e terão a oportunidade de serem libertos do fanatismo que os aprisiona! Seja mais cauteloso, povo apostólico!

* * *

A ideia que os cúmplices do falso profeta transmitem aos incautos apostólicos é essa: “ignorem tudo o que é falado e provado por aí. Acreditem somente no que nós publicamos”.

Você se lembra o que ensina o apóstolo Paulo, em sua primeira carta aos Tessalonicenses 5:21? “Analisem TUDO. Retenham o bem“. A igreja que se diz “apostólica”, ensina o contrário do Apóstolo. Ensina que você NÃO DEVE ANALISAR qualquer palavra que seja contrária à sua. Hoje sabemos que isso é puro medo, medo de que o fiel apostólico descubra a verdade e se liberte!

Continuemos a orar pelos nossos pobres irmãos apostólicos.

Fiquemos todos com Deus.

DEMITIDO!

17 fev

Contador da IA - HelioVianaHélio Viana da Rocha, sua esposa e filhos: sobrinho do Aldo Bertoni, foi o contador e administrador da Igreja Apostólica nos últimos 30 anos. Hélio nunca foi apostólico, mas era o único homem em quem Aldo Bertoni confiava para movimentar todo o dinheiro da Igreja Apostólica

* * *

Aconteceu algo que pensávamos que dificilmente aconteceria: foi demitido por justa causa, o contador da Igreja Apostólica durante quase toda a gestão do Aldo Bertoni, que também é seu sobrinho.

A demissão aconteceu por 6 votos a 2. Votaram pela permanência de Hélio na administração da igreja, os conselheiros Efigênia Joventino e João Stancey, por motivos óbvios.

Hélio foi levado para a Igreja Apostólica por Aldo Bertoni em 1984, o ano em que o Bispo Eurico Mattos Coutinho faleceu. Enquanto Eurico era o presidente da igreja, de fato, o contador era o pastor Carlos Alberto Trevisan, que agora voltou como Conselheiro Contábil da Igreja Apostólica. Mas na época, havia uma insatisfação com o trabalho que ele fazia, pois, além da contabilidade, que não passava de contas de somar e subtrair, ele também era responsável pelas contas a pagar da igreja e, como não mantinha controle das contas bancárias, muitos dos cheques liberados para pagamentos eram devolvidos por falta de fundos.

Quando a mãe de Trevisan faleceu, ele ficou muito abatido e depressivo, e teve de ser afastado do trabalho. Foi a deixa para Aldo Bertoni levar seus amigos para a contabilidade da igreja. O primeiro contador indicado por Aldo foi o irmão da falecida apresentadora Hebe Camargo, chamado Fêgo Camargo (tinha o mesmo nome do seu pai), que era amigo de Aldo e era formado em Contabilidade. Hebe não se dava com a mulher de Fêgo, pois sabia que a mulher traía seu irmão. Antigos motoristas do “santo profeta” nos contam que essa traição ocorreu até com o próprio Aldo Bertoni.

* *

Hebe CamargoHebe Camargo: um dos irmãos dela, Fêgo Camargo, já foi contador da Igreja Apostólica. Você sabia? Ou é só mais um pobre enganado que nem sequer conhece a história de sua própria igreja?

* * *

Assim que retornou de seu afastamento, Trevisan ficou só gravando o programa “A Hora Milagrosa”. Fêgo ficou na contabilidade da igreja por alguns anos. O Bispo Eurico o detestava, pois fumava “como chaminé” dentro do escritório da Igreja Apostólica, onde fumar era considerado um dos piores pecados, mas não podia falar nada porque Fêgo era protegido do “sucessor da santa vó Rosa”.

Em 1984, Aldo Bertoni trouxe seu sobrinho Hélio para trabalhar também na contabilidade. Porém, como o ex-pastor Paulo de Campos, que era o administrador da igreja, descobriu várias falcatruas do “primaz” e percebeu que nada do que estava sendo pregado a respeito dele era verdadeiro, em 1985 resolveu sair da igreja. Então, Aldo colocou Hélio em seu lugar, como administrador. Como dissemos, nessa época Hélio era apenas técnico contábil, título obtido depois de ter feito o antigo “colegial técnico”. A partir dessa época, ficaram Hélio na administração e Fêgo na contabilidade. Quando Fêgo saiu, Hélio também assumiu a contabilidade.

Vejam só como são as coisas: os dois cargos mais importantes na hierarquia administrativa da Igreja Apostólica, foram entregues por Aldo Bertoni a homens que não criam, não seguiam e não respeitavam nada da doutrina e disciplina apostólica. Até fumar dentro da igreja eles fumavam! Será que algum apostólico sabe nos explicar tamanha contradição?

Apesar de nunca ter crido em nada que se prega na Igreja Apostólica, desde então Hélio tornou-se a única pessoa em quem Aldo confiava para movimentar todos os recurso da igreja. Aldo Bertoni não confiava em NENHUM apostólico que dizia crer nele, mas confiava em alguém que nunca creu na suposta santidade dele. Você consegue entender isso?

Em 1988, Hélio começou a fazer faculdade de Direito na Universidade de Mogi das Cruzes, juntamente com a Rosa Stancey, filha do atual escritor de Boletins e Conselheiro Administrativo da Igreja Apostólica, João Stancey. Claro, com tudo pago pelas ofertas que eu e você doávamos para a igreja.

* *

Hélio Viana da Rocha - Igreja ApostólicaVocê se lembra desse episódio? Logo após a TV Record denunciar Aldo Bertoni em rede nacional de televisão, a TV Bandeirantes também fez matéria a respeito. Quando tentou entrevistar Aldo Bertoni, claro que o falso profeta covarde se recusou a falar, e escalou seu sobrinho para substituí-lo. Mas veja que durante a entrevista, Hélio se apresenta apenas como “advogado do Aldo”, nunca como sobrinho e administrador da Igreja Apostólica. Por que fez isso? Ficou com medo do apresentador Datena?

* * *

Graças às nossas ofertas, hoje Hélio também é advogado. Até 2008, Hélio nunca havia exercido a profissão. Se você consultasse os processos dos tribunais de justiça de qualquer Estado, não achava nenhum processo cujo advogado fosse Hélio Viana da Rocha, com exceção de um mísero processo de inventário da própria família Bertoni. Quando passamos a denúncia-lo juntamente com seu tio ladrão, em 2008, curiosamente começaram a surgir vários processos no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo onde Hélio figura como um dos advogados, mas nunca como único advogado de tais processos. Hélio acha que somos burros: quando viu que o Ministério Público estava investigando a Igreja Apostólica, tratou de tentar mostrar “algum trabalho” como advogado, provavelmente para tentar justificar seus bens, caso a justiça quebrasse seu sigilo fiscal.

Hélio sempre foi o homem que administrou a Igreja Apostólica. Aldo Bertoni apenas assinava a papelada, mas nós, apostólicos tolos, sempre ignoramos tudo isso. Como já dissemos anteriormente, os interesses de Aldo eram outros: suas namoradas, sua coleção de carros antigos, sua coleção de armas de fogo, entre outros “hobbies” exclusivos para milionários que não precisam trabalhar. E, claro, a principal função de Aldo era atuar no papel principal de “santo profeta”, pois disso dependia a manutenção da “galinha dos ovos de ouro” chamada Igreja Apostólica.

Mas e agora?

O que dirão os apostólicos?

Hoje é sabido que Hélio foi demitido por justa causa em função de várias irregularidades encontradas pela auditoria contratada por Wagner Ormanji. Perderá a multa do FGTS dos últimos 31 anos trabalhados e sujará sua carteira de trabalho. Foi demitido por CORRUPÇÃO.

Mas Hélio não era homem da estrita confiança do “onisciente profeta” Aldo Bertoni? Não foi empossado em seu cargo pelo próprio Aldo Bertoni?

Algum apostólico saberia nos explicar o que foi que aconteceu? Aldo era corrupto ou não sabia de nada, provando a mentiraiada que é cantada nos hinos e pregada nas reuniões?

Aguardamos manifestações.

Fiquemos todos com Deus.