Tag Archives: blog do martinho

Por Que Nunca Desistimos?

1 jan

Martin Luther King* * *

Caros irmãos e amigos,

Iniciaremos o ano de 2015 respondendo a uma pergunta recorrente que nos tem sido feita tanto por irmãos apostólicos que ainda acreditam nas mentiras do bandido Aldo Bertoni quanto por alguns irmãos que já foram libertos.

Perguntam alguns: “Por que vocês continuam nesse combate, se já foram libertos?“. Questionam outros: “Vocês estão bem, já não são mais roubados por aquela gente, por que esquentar a cabeça e ter trabalho com isso?“. Os mais exaltados bradam: “Esse apostólicos são todos burros, deixem que se danem sozinhos“. Alguns apostólicos incautos argumentam: “Já saíram? Então deixem-nos em paz“. Outros fanáticos comemoram: “Não conseguem nos esquecer, saíram mas não se esquecem da Igreja Apostólica“.

A famosa frase proferida pelo norte-americano Martin Luther King, pastor batista assassinado nos EUA em 1968, quando liderava movimentos pela paz e pela igualdade racial no país, ilustra bem o nosso sentimento. O que será do mundo se os bons permanecerem calados? Se aqueles que amam a justiça, prezam a honestidade, e tem a ética como um dos principais pilares de suas vidas, ficarem quietos em seus cantos? Seria o deleite para os violentos, os corruptos, os desonestos, os sem ética.

O que seria de muitos irmãos apostólicos hoje libertos, se quando começamos a descobrir toda a sujeira escondida por Aldo Bertoni, suas falcatruas, suas imundícies, tivéssemos saído da igreja calados, taxados como “rebeldes”, e ficado quietos cuidando de nossas vidas?

O que seria das eventuais futuras vítimas da seita Apostólica, se não tiverem informações verdadeiras disponíveis para pesquisa?

Foi pensando nisso, que fizemos tudo isso. Se os primeiros apostólicos que descobriram quem era Aldo Bertoni, no início da década de 80, tivessem nos alertado, nos mostrado a verdade, não teríamos sido roubados e enganados por tanto tempo. Não desejamos o mesmo mal aos atuais apostólicos.

Reconhecemos que naquela época tudo era mais difícil, não havia internet, e se algum apostólico quisesse denunciar Aldo Bertoni, teria de correr muitos riscos e gastar uma fortuna para disseminar as informações, mas acreditamos que poderiam ter tentado um pouco mais.

O que nos move não é o sentimento de “querer aparecer“, como dizem alguns fanáticos apostólicos, até porque nunca “aparecemos”. Por segurança, pois lidamos com verdadeiros bandidos, sempre permanecemos e permaneceremos ocultos. Também não é o sentimento de ódio, pois conseguimos perdoar Aldo Bertoni. Só não concordamos em permitir que suas mentiras continuem a serem espalhadas livremente.

O que nos move são 3 ensinamentos de Jesus Cristo, hoje nosso único Senhor.

1. “Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento”. (Marcos 12:30).

Quem ama a Deus, proclama sua Palavra. Desde que fomos libertos da seita Apostólica, temos nos esforçado para aprender cada vez mais e mais da Palavra de Deus, a Bíblia. E quando fazemos isso, somos transbordados pelo sentimento de compartilhar as Boas Novas com outras pessoas, especialmente pessoas queridas como os apostólicos que um dia nos chamaram de irmãos.

2. “E o segundo, SEMELHANTE a este é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Não há outro mandamento maior do que estes” (Marcos 12:31).

Quando você ama alguém, não deseja o melhor para essa pessoa? E quando você descobre que algo é muito ruim e está errado, você não se esforçaria para que essa pessoa deixasse de sofrer esse mal, mesmo que inconscientemente? Este é o nosso sentimento para com nossos irmãos apostólicos.

3. “Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque eles serão saciados” (Mateus 5:6).

Nunca tivemos nenhum outro objetivo nesta luta, que não seja a justiça. Que a verdade seja proclamada em cada centímetro dos templos da Igreja Apostólica. Infelizmente alguns irmãos apostólicos, completamente dominados pela mentira e pelo fanatismo religioso, nos acusam injustamente de estarmos lutando por poder, dinheiro, reconhecimento, status, etc. Nunca foi nada disso, e temos certeza de que um dia todos esses injustos perceberão isso.

* * *

Hoje, o que nos move é o amor de Jesus. Se abandonássemos nossos irmãos, estaríamos sendo hipócritas, pois um Cristão que não pratica os ensinos do Mestre, não é um verdadeiro seguidor de Jesus.

Não por força, nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos Exércitos” (Zacarias 4:6). Nunca obrigamos nenhum apostólico a acreditar no que publicamos aqui. O que sempre pedimos gentilmente é que verificassem por conta própria a veracidade do que temos publicado. Quem fez isso, foi liberto das garras de pessoas gananciosas e demoníacas, como Aldo Bertoni e seus cúmplices mais próximos.

Continuaremos publicando matérias sobre a realidade da Igreja Apostólica, não porque somos insistentes ou teimosos, mas porque ainda temos amigos e irmãos em Cristo sendo escravizados pela mentira. Enquanto a grande mentira não cair, este material ficará disponível na internet, para que todo e qualquer brasileiro tenha a chance de escapar dessa arapuca chamada Igreja Apostólica.

Deus abençoe a todos nós neste ano de 2015.

2015

De Volta ao Batente

17 abr

Após um merecido período de recesso, cá estamos de volta à luta contra as mentiras pregadas por Aldo Bertoni e seus cúmplices na Igreja Apostólica, entidade da qual fomos fiéis e dedicados membros do ministério por décadas, e há três anos descobrimos não passar de uma grande farsa para enriquecer financeiramente alguns poucos.

Agradecemos às dezenas de pessoas que nos escreveram manifestando sua preocupação quanto ao nosso repentino “sumiço”, mas em três anos de luta ainda não havíamos tido tempo para um descanso. Como a primeira etapa desta luta está parcialmente cumprida, e Aldo Bertoni já está sendo julgado pela justiça paulista, sentimo-nos no direito de descansarmos por algumas semanas. Àqueles que manifestaram sua preocupação sobre o nosso paradeiro, perdoem-nos a falta de notícias, mas não podemos dar pistas de nossas ações aos capangas do profeta bandido.

Nesse período de ausência, nossas publicações foram bastante prejudicadas, por conta do precário acesso à internet nas localidades por onde estivemos. Mas ao longo dos próximos dias tudo será colocado em dia, peço que acompanhem as postagens desde o dia 15 de março e sugiro visitarem os comentários da postagem do dia da primeira audiência de julgamento do Aldo Bertoni, dia 27 de fevereiro de 2012, pois há mais de 500 comentários naquele tópico à espera de aprovação, que serão liberados nos próximos dias.

Tais comentários, escritos principalmente por teimosos apostólicos que insistem em defender um bandido que mal conhecem, são interessantes por mostrar a indignação de muitos irmãos apostólicos ao constatarem que NUNCA MENTIMOS quando afirmávamos que sim, existiam processos na justiça contra o falso profeta, e que Aldo Bertoni iria à sua primeira audiência somente em fevereiro de 2012, enquanto os defensores do profeta bandido afirmavam ao povo apostólico que não havia qualquer processo judicial contra o Aldo, ou que ele já teria ido em supostas audiências (que nunca existiram) e teria sido inocentado.

Vamos à luta, meus caros irmãos, pois Deus sempre dá a vitória a quem luta pela verdade!

Fiquemos todos com Deus.

Os Semeadores da Mentira

4 abr

Vejam só, mais um grande exemplo da hipocrisia de alguns defensores do profeta-bandido Aldo Bertoni. Nos criticam tanto por estarmos anônimos na internet, e agora criaram um blog para divulgar mentiras sobre Aldo Bertoni também de forma anônima. Bem, melhor assim, dessa forma eles não tem qualquer moral para criticar nosso anonimato.

http://os-semeadores-da-verdade.blogspot.com.br

Mas lembrem-se do seguinte: nos estamos ocultos por uma questão de segurança, visto que Aldo Bertoni e seus seguranças ameaçou a muitos de nós até de morte. Mas e os defensores do Aldo? Por qual motivo se ocultam? Não seria porque receiam mostrar que são tudo gente sustentada pelas ofertas do povo apostólico? Não seria receio de demonstrar que apenas estão defendendo a casa que moram, o salário que recebem, as viagens grátis que fazem, a faculdade grátis que estão cursando, e o carro grátis que possuem na garagem? Com tudo bancado com o suado dinheirinho que cada um coloca na sacolinha?

Engraçado que se você ler minuciosamente o site que fizeram, verá que eles tanto falam, mas de prático não apresentam absolutamente NADA! Por que não explicam, por exemplo, por qual motivo o Ministério Público e o Poder Judiciário está nos dando razão, ao invés de apoiá-los? Se Aldo Bertoni é inocente, por que precisa de um batalhão de advogados para lhe defender? Aliás, já que se propuseram a criar um site para “esclarecer” muitas coisas ao povo apostólico, por que não começam explicando as questões que já fizemos no post abaixo?

https://blogdomartinho.wordpress.com/2011/11/08/esclarecam-essas/

Ao longo das próximas semanas, faremos minuciosas análises sobre cada texto recheado de mentiras contidos nesse novo blog dos “anônimos” defensores do falso profeta e bandido Aldo Bertoni. Aliás, perceberam que não atualizam o tal blog já faz um bom tempo? Está fadado ao fracasso, como foi aquele blog do Acre, do rapazote que tentou nos imputar falsas acusações e se deu mal. Afinal, como vão ter assunto se estão tentando defender o indefensável?

Fiquemos todos com Deus.

Novo Site

27 mar

Em entendimento acertado com a equipe responsável pelo site www.acordapovoapostolico.com, ficou definido que o site será reformulado e o material a ser divulgado será permanente, ou seja, contará toda a história da máfia apostólica, desde a criação da antiga Igreja Apostólica até os acontecimentos dos dias de hoje, e disponibilizará todos os documentos a que tivemos acesso. Esta nova página ficará permanentemente no ar, para que ninguém mais nessa Terra nunca mais seja enganado pela farsa do Aldo Bertoni, mesmo após a sua morte, por falta de informações. Dessa forma, qualquer um que for pesquisar na internet sobre Aldo Bertoni e sua tia, encontrá todo o material mostrando a tamanha pilantragem. Só será engando, quem quiser!

Atualizações sobre o andamento dos processos e os bastidores da Igreja Apostólica, continuarão a ser fornecidas somente através deste blog.

Na reunião que tivemos ficou definido que uma das seções do novo site será a de testemunhos e depoimentos. Portanto, se você foi vítima do Aldo Bertoni e de sua quadrilha, faça seu relato e o publicaremos, com a condição de que somente serão aceitos os relatos com seus nomes verdadeiros. Por questão de segurança, só os publicaremos quando atingirmos o número mínimo de 100 relatos, para que não haja qualquer tipo de pressão por parte dos fanáticos defensores do profeta bandido somente sobre algumas poucas pessoas.

Quando dizemos “vítima do Aldo Bertoni”, não estamos nos referindo somente aos casos de abuso sexual praticados por ele. Se durante a sua infância ou juventude ou mesmo em sua vida adulta você perdeu oportunidades de desenvolvimento da sua vida, por conta das restrições impostas pela falsa doutrina, ou se você ou algum parente deixou de ir ao médico por conta de alguma falsa profecia do Aldo Bertoni, e isso prejudicou a você ou sua família, ou ainda se você ou sua família tiveram algum prejuízo financeiro por conta de restrições impostas pela falsa doutrina ou pelos insistentes pedidos de dinheiro na igreja, pode-se afirmar que você também é vítima dessa gente. Relate sua história, ela será publicada na íntegra, somente faremos adaptações ortográficas e gramaticais, se necessário for.

Aos que receiam e temem a remoção do site por conta de algum subterfúgio jurídico, podem ficar despreocupados. O site é registrado e hospedado no exterior, em país que os capangas do falso profeta desconhecem, e não cometemos qualquer ilegalidade, visto que todos os fatos ali relatados também constam nas investigações do Ministério Público do Estado de São Paulo e nos processos judiciais a que Aldo Bertoni está respondendo.

Reafirmamos: o objetivo do site será ajudar para que nunca mais nenhuma outra pessoa caia nesse golpe, já que o nosso prejuízo ninguém mais pode reparar.

Os testemunhos e relatos pode ser enviados para o nosso e-mail: acordapovoapostolico@gmail.com

Fiquemos todos com Deus, tendo sempre em mente que esta luta não é contra a carne, mas contra o reino das trevas (Efésios 6:12). Lutamos por justiça contra contraventores, pessoas que não respeitam as leis do nosso país e nem possuem qualquer consideração por seu seu próximo, verdadeiros exploradores da boa fé alheia, e aconteça o que for, só descansaremos quando a justiça for feita.

Novamente, O Mais Visitado

15 fev

Todos sabem que o sistema de buscas “GOOGLE” é o mais acessado do mundo. Há quem diga que não existe assunto que você digite lá, que o buscador não encontre. Seu sistema de busca aponta os sites que recebem o maior número de acessos para determinado assunto, de forma que quanto mais acessos um site tem, maior é a sua colocação na hora de classificar a busca.

Pois bem, hoje fomos avisados por um atento irmão que toda vez que alguém, de qualquer parte do mundo, digitar o termo “ALDO BERTONI”, o primeiro site indicado pelo Google é o nosso Blog. E olha que não pagamos sequer um centavo por esse privilégio!

O que isso significa? Vale dizer que temos sido o site mais visitado da internet quando o assunto de interesse é o falso profeta Aldo Bertoni. Somos muito mais visitados que o próprio site da Igreja Apostólica ou os blogs que o defendem. É a vitória da VERDADE contra a MENTIRA a respeito desse homem enganador.

Não damos essa notícia objetivando qualquer tipo de glória ou reconhecimento, até porque se pudéssemos ter podido escolher, preferíamos nunca ter precisado empreender esta luta contra a falsa fé que nós mesmos defendemos e amamos por tantas décadas.

Obrigado a todos que tem colaborado para que este trabalho avance em seus objetivos, de desmascarar e pedir JUSTIÇA contra o criminoso Aldo Bertoni.

Fiquemos todos com Deus.

Continuam Tentando nos Calar!

5 fev

Vejam como são as coisas.

Nos tempos da ditadura militar no Brasil, se você presenciasse uma prática de corrupção no governo e resolvesse denunciá-la, ao invés de investigarem o denunciado, davam um jeito de sumir com o denunciante. Afinal, se não há denúncia, não há corrupção, correto?

Errado. As atitudes autoritárias, que sabemos ter existido naquele tempo, aconteciam apenas para “empurrar a sujeira para debaixo do tapete”. E é exatamente assim que estão agindo muitos irmãos apostólicos, diante de todas as denúncias, investigações e processos judiciais contra o réu Aldo Bertoni.

É o que estão fazendo dois irmãos da congregação de Sorocaba-SP, chamados Nilmo Vieira Soares e Walter Vieira Soares. São parentes do rapaz que comprou o domínio “AldoBertoni.com.br” na internet, chamado Marcelo Vieira Soares. A partir desse endereço (www.aldobertoni.com.br) criaram um site que não esclarece absolutamente NADA sobre Aldo Bertoni, apenas divulga links para os sites da Igreja Apostólica.

Pois bem, os já citados irmãos de Sorocaba entraram com ação judicial solicitando a remoção do site http://www.acordapovoapostolico.com e também a remoção do nosso antigo blog, que já nem existe mais. Na sua justificativa para embasar o pedido, escrevem eles:

“Pretendem os agravantes a concessão da medida de urgência, sob a alegação, em síntese, de que são frequentadores da Igreja Apostólica, cujo chefe, Aldo Bertoni, foi acusado, sem provas, de ser o suspeito “de abusar de mulheres” em conteúdo publicado nos sites http://acordapovoapostolico.com e http://martinholutero.zip.net, com generalizados e ofensivos comentários contra a honra dos evangélicos frequentadores daquela igreja. Sustentam que, embora não constem seus nomes no conteúdo ofensivo publicado nos sites, é certo que são pessoas conhecidas na sociedade e no meio em que vivem e, por frequentarem aquele templo religioso, foram atingidas em suas honras, conquanto não se mostre possível identificar os autores das ofensas, haja vista que os respectivos endereços eletrônicos estão resguardados pelo anonimato, daí por que requereram a suspensão ou remoção dos sites, até julgamento final da lide, sob pena de multa diária de R$ 1.000,00, o que foi indeferido pela r. decisão agravada, que pretendem ver reformada.”

Óbvio que o pedido deles não foi acatado. Vejamos o que escreveu o juiz:

“Em que pesem as razões recursais, não vislumbro, de imediato, elementos suficientes que justifiquem, inaudita altera parte a concessão da antecipação dos efeitos da tutela como pretendida pelos agravantes. Isso porque, ao menos por ora, o r. pronunciamento deu correto enquadramento à hipótese, não abalada pela impugnação recursal, neste juízo de cognição sumária. No caso dos autos, como bem assinalado pelo MM. Juiz de 1o grau, não há nas publicações imputadas como ofensivas sequer menção aos seus respectivos nomes, pelo que se mostra prudente aguardar a instauração do contraditório para que novos elementos venham aos autos e permita a valoração das questões jurídicas trazidas à baila e a necessidade ou não da concessão de alguma tutela de urgência, a ser aferida no juízo de origem. Ausentes, pois, os requisitos legais, processe-se sem liminar.”

Os textos acima podem ser lidos diretamente através de pesquisa no site do Diário Oficial do Estado de São Paulo (www.imprensaoficial.com.br) ou clicando nos links abaixo:

DOE 01/02/2012 – Página 285

DOE 01/02/2012 – Página 286

Em resumo, meus caros amigos, estes apostólicos de Sorocaba tentam nos calar por supostamente estarmos ofendendo a sua honra, por serem membros da Igreja Apostólica. O juiz nega o pedido de liminar pois conclui que sequer o nome deles constavam nos citados sites, e o processo continua, mas adianto que não dará em nada, por apenas um motivo: NÃO OFENDEMOS, NÃO CALUNIAMOS E NEM DIFAMAMOS NINGUÉM, POIS AQUI NÓS FALAMOS A VERDADE E TEMOS COMO PROVAR TUDO O QUE AQUI É PUBLICADO.

Quero aproveitar o tema e deixar um recado diretamente para estes dois irmãos de Sorocaba:

Senhores Nilmo e Walter, por que os senhores não tomam vergonha na cara e ao invés de tentarem nos calar, não movem processo judicial contra quem está submetendo os apostólicos a toda essa desonra?

1. Por acaso somos nós que cometemos os crimes que o senhores estão vendo o Aldo Bertoni ser julgado?

2. Somos nós que criamos um péssimo ambiente de grande suspeição na Igreja Apostólica, a partir do momento em que havia várias denúncias sendo feitas e o Senhor Aldo Bertoni não teve a dignidade de prestar esclarecimentos sobre NENHUMA delas?

3. Como os senhores afirmam, nesta petição judicial, que Aldo Bertoni está sendo acusado sem provas? Não sabem que o conteúdo destes sites apenas reproduzem o que consta nos autos dos processos investigativos já produzidos pela Polícia Civil do Estado de São Paulo e pelo Ministério Público do Estado de São Paulo? E o processo construído pelo Ministério Público do Estado de São Paulo ao longo de mais de dois anos? O senhores estão afirmando que os promotores de justiça do MP-SP MENTIRAM? Os senhores tem ciência da grave acusação que estão fazendo? Será que os senhores, AO MENOS, têm ciência de tudo o que Aldo Bertoni está sendo acusado? Já viram as provas que constam nos processos? Não? Então como podem afirmar categoricamente que as acusações estão sendo feitas SEM PROVAS?

4. Será que os senhores são tão ignorantes a ponto de achar que é o conteúdo do nosso site que acusa o falso profeta Aldo Bertoni de abusar de mulheres? E os processos judiciais a que Aldo Bertoni está respondendo no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, porque o ignoraram em sua petição inicial? Por que não contaram ao juiz que nós apenas reproduzimos algo que está sendo investigado por eles mesmos, do Tribunal de Justiça?

5. Por que não processam o malandro, e aqui falo do Aldo Bertoni, que verdadeiramente está atingindo a honra de vocês e submetendo a Igreja Apostólica a toda essa vergonha e execração pública que está sofrendo?

Vocês estão agindo como exatamente como agem os ditadores: para que não haja corrupção, calem os denunciantes!

Que Deus possa libertá-los do reino das mentiras do criminoso Aldo Bertoni e seus cúmplices. Que vocês também possam deixar de ser apenas massa de manobra da família Bertoni, os verdadeiros beneficiários de todo o esquema de corrupção na Igreja Apostólica.

Deus os abençoe.

Jesus, Essência do Louvor

7 dez

Desde que este canal de denúncias se tornou conhecido da maioria dos apostólicos, tornamo-nos uma verdadeira “central de comunicações”, para onde são encaminhadas reclamações e lamentos de apostólicos que já constataram ter sido enganados por Aldo Bertoni, e daqueles que ainda defendem o profeta-bandido, geralmente ofendendo aqueles que denunciam o farsante “santo”.

Em um desses e-mails, especificamente um recebido ontem, um novo “liberto”, do interior de São Paulo, me relatou ainda estar frequentando a sua congregação por conta de alguns familiares, que agem mais fanaticamente do que nunca, mas que não suporta mais ouvir tanta abobrinha daquele púlpito. Disse que já se sente realmente liberto do fanatismo, e a maior prova é o nojo que sente cada vez que ouve o nome do abusador sexual Aldo Bertoni ser cantado e louvado como se fosse o de Deus. Então, ele me pergunta: “Martinho, na condição de alguém que acaba de se convencer que estava acreditando em algo muito errado, e que foi liberto por Jesus desse fanatismo demoníaco, como você acha que deve ser minha primeira oração a Deus?”

Na verdade, a indagação deste irmão é sobre como agir após cortar esse cordão umbilical que temos com a Igreja Apostólica, ainda mais em casos como este, onde meu correspondente nasceu na igreja. Quais os primeiros passos nesse novo relacionamento com Deus? Eu estava pensando numa resposta para dar a esse irmão, quando recebi um outro e-mail.

Felizmente não recebo apenas e-mails com queixas dos dois lados, recebo também mensagens daqueles que já estão libertos e mais felizes do que nunca, conhecendo o Senhor que Aldo Bertoni nos privava de conhecer. São mensagens com citações bíblicas, daquelas que se enquadram perfeitamente para abrir aos olhos dos apostólicos, mas que infelizmente só agora temos a oportunidade de conhecer e meditar nestas palavras, bem como também recebo muitos hinos e louvores, que faço questão de escutar um a um. E uma dessas músicas, recebida também ontem, vem a ser exatamente a resposta que creio ser a mais adequada para a pergunta do nosso irmão, e gostaria de compartilhar com todos.

Preste atenção na letra:

Percebem sobre o que fala o louvor?

  • Adoração, só ao Único Digno de adoração.

  • Perdão, Senhor, pelo mal que sempre fizemos dando glórias Tuas a seres corruptos e enganadores.

  • Reconhecimento, de que a música em si, não é o que Ele quer de nós, mas sim o nosso coração, o nosso amor.

  • Confissão, de que não passamos de miseráveis pecadores, todos nós, neste mundo, e precisamos do perdão e da misericórdia Dele.

Estou certo de que essa é a oração mais adequada a ser feita por qualquer apostólico recém liberto, meu caro irmão. Fique com Deus, e que o Senhor lhe dê força neste momento de decepção com homens, mas que você pode tornar um momento único e maravilhoso, de reencontro com Deus, nosso verdadeiro Pai, aquele que nunca nos trairá porque é Fiel.

Fiquemos todos com Deus.