Tag Archives: Sucessão na Igreja Apostólica

Ata da Assembleia

1 set

Pela primeira vez na história da Igreja Apostólica, pessoas puderam se manifestar contrariamente à decisão dos líderes sem serem punidas por isso. Vejam, clicando no link abaixo, a Ata da Assembleia ocorrida na sexta-feira, dia 29 de Agosto de 2014. Presente à Assembleia, estavam apenas 35,6% dos obreiros (diáconos, diaconisas, pregadores e pastores) com direito a voto, um total de 455 votantes. Desses, 2,3% tiveram a liberdade de votar pela não aprovação do Estatuto, algo que seria impensável até alguns dias atrás. Antigamente, se você se manifestasse contra numa assembleia da igreja, corria o risco de ser expulso. Mas vejam que isso só foi possível pelo instrumento do voto secreto. Se fosse aberto, duvidamos que alguém teria a coragem de se manifestar contrariamente.

* * *

ATA DA ASSEMBLEIA – CLIQUE AQUI PARA ACESSÁ-LA

* * *

Conheça, acessando o documento abaixo, quem são as pessoas eleitas para suceder o bandido Aldo Bertoni na direção da seita Igreja Apostólica:

QUALIFICAÇÃO DO CONSELHO DELIBERATIVO

* * *

Veja, no link abaixo, o Termo de Compromisso e Posse dos Membros do Conselho. Vejam, nesse documento, por que a Igreja Apostólica continuará não dando certo, e continuará afastada de Deus: firmaram um compromisso “perante” o falecido bandido Aldo Bertoni. Também ignore o fato de terem conseguido a proeza de escrever a palavra “conselho” com a letra “c” (CONCELHO), em um documento tão importante:

* * *

TERMO DE COMPROMISSO DOS ELEITOS – CLIQUE AQUI PARA ACESSAR

* * *

Por fim, vejam quem foram os incautos obreiros responsáveis pela aprovação e que continuam a dizer “amém” a todos os atos dos bandidos cúmplices do Aldo Bertoni nessa atividade de enganar a todos nós, que um dia cremos nos fundadores da Igreja Apostólica.

* * *

ASSINATURAS ASSEMBLEIA – IGREJA APOSTÓLICA

(O arquivo é pesado – poderá demorar para carregar)

* * *

A T E N Ç Ã O

Antes que tirem conclusões precipitadas, informamos que NÃO apoiamos nenhum membro e nenhuma ideia proposta pelos novos integrantes da direção da Igreja Apostólica. Entendemos que enquanto houver uma única palavra de defesa do Aldo Bertoni e suas invenções religiosas, a seita apostólica nunca poderá ser uma igreja de verdade, pois Deus não pode estar onde houver uma única mentira, por menor que seja, imagine um lugar onde quase tudo é mentira. Não compactuamos, em hipótese alguma, com a mentira. Temos amor às nossas almas e desejamos a salvação.

.

Que Deus abençoe os irmãos apostólicos nesse momento de redefinições. Que possam finalmente enxergar a verdade, e perceber o recado que Jesus Cristo está lhes enviando há anos. Que tenham forças para, finalmente, aceitar Jesus Cristo como o Pastor de suas almas.

.

Fiquemos todos com Deus.

A Nova Diretoria

22 maio

Nilson Cairolli e José SolyomAcabou o falso “governo teocrático”?

Um dos principais argumentos dos enganados defensores do falecido falso profeta Aldo Bertoni para defenderem a suposta “vontade de Deus” em todas as decisões tomadas na Igreja Apostólica, era de que tudo era decidido pelo bandido Aldo, e ele conversava diretamente com Deus, além de também bater papo com sua falecida tia e todos os profetas bíblicos do passado.

Claro, sabemos que tudo isso era mentira para impressionar e enganar as pobres mentes apostólicas, pois os únicos com quem Aldo Bertoni realmente conversava eram seus seguranças, seus motoristas e sua farsante secretária, a Efigênia Joventino. Mas agora, nem isso os apostólicos podem usar em sua defesa, pois Aldo está sete palmos abaixo da terra, como qualquer ser humano normal. Como consequência disso, no último dia 17, sábado passado, foi eleita a “comissão provisória da gestão administrativa da Igreja Apostólica”, composta pelas pessoas abaixo:

Nova Diretoria Igreja Apostólica

Na presidência da Comissão, ficou José Solyom Filho, aquele que conta testemunhos no programa “A Hora Milagrosa”. Na vice-presidência, como tínhamos previsto, ficou o pregador Wagner Ormanji, que não é pastor ungido. Na verdade, caros irmãos e amigos, Wagner Ormanji foi o mais votado, mas devido a pressão de diversos apostólicos que estavam exigindo que a presidência ficasse com um pastor “ungido”, político como é, Wagner cedeu a presidência para o segundo colocado, o pastor Solyom, alguém que pela idade avançada, não tem longevidade no cargo.

Os demais eleitos que integrarão a Comissão são: Carlos Alberto Trevisan, aquele que perdeu o cargo depois de mandar uma noiva maquiada para casa, por ordem da Efigênia Joventino; a própria farsante Efigênia Joventino, que em documentos da polícia, informa ser apenas telefonista da igreja, mas todos sabem que era a secretária do diabólico Aldo Bertoni, sabendo de todos os seus segredos sujos; o escritor de boletins João Stancey, outro que sabia de toda a sujeira do Aldo Bertoni, mas permanece calado para manter as regalias financeiras que servem a ele e a seus familiares; o tesoureiro Orlando Arantes, que não passa de outro que sempre manteve o silêncio para também poder se beneficiar financeiramente; e Nilson Cairolli, um fanático que se aproveita de sua fama para vender produtos cosméticos aos apostólicos do interior.

Caros irmãos e amigos, diante de tal quadro, querem saber qual a nossa conclusão? 

A MÁFIA CONTINUA. 

Dentre todos, o único que não possui absolutamente nenhuma dependência financeira das ofertas dos apostólicos, é o Wagner Ormanji. Todos os demais se beneficiam de alguma forma dos fartos recursos que os apostólicos mandam para a Sede semanalmente, alguns mais, outros menos. A maior parte deles sabe de toda a verdade sobre Aldo Bertoni, e mesmo assim ainda insistem em sustentar essa falsa santidade ridícula, e fazem isso em troca de quê, senão a manutenção de suas regalias e o poder que a estrutura da Igreja Apostólica lhes propicia?

Sabemos que alguns apostólicos virão dizer: “mas vocês só falam em dinheiro!”. Sabem por que o fazemos? Porque DINHEIRO é o maldito motivo que levam essas pessoas de má índole a continuar enganando a quase totalidade de apostólicos inocentes, principalmente os irmãos do interior. Se fossem pessoas honestas, dispostas a reparar o erro em que se envolveram e ainda envolvem milhares de inocentes, aproveitariam a oportunidade da morte do bandido Aldo Bertoni, que era uma ameaça real para muitos ali, para contar a verdade ao povo, acabar com todo esse mito criado ao longo de 44 anos, e recomeçarem como uma igreja de verdade, para Honra e Glória de Deus Altíssimo, e de Jesus Cristo, seu Filho Amado, como diz aquela placa existente acima dos 270 púlpitos da igreja espalhados pelo país.

A função da Comissão será escrever o novo estatuto da Igreja Apostólica, além de administrá-la financeiramente. Como podemos crer que sairá algo bom dali, quando a maioria das pessoas eleitas não são boas? Como esperar algo honesto se a maior parte dos integrantes são corruptos que escondem a verdade do povo em troca de bom salário, casa grátis, carro grátis, viagens grátis, refeições grátis? Com exceção de Nilson Cairolli e Wagner Ormanji, nenhum dos demais possuem profissão, ganharam a vida enganando aos apostólicos, voluntariamente ou não, e se não mantiverem a “boquinha”, estarão na sarjeta! Como podemos esperar algo de bom dali?

Nas próximas postagens, faremos algumas análises detalhadas sobre alguns outros pormenores de toda esta situação, além de apresentarmos um perfil de cada um dos eleitos.

Fiquemos todos com Deus, sempre em oração pela libertação de nossos cegos irmãos apostólicos.