Arquivo | outubro, 2012

Quem será?

31 out

Vejam a matéria abaixo, que acaba de ser liberada na imprensa:

PF prende suspeitos de criar igreja para desviar R$ 400 milhões

Quem serão os componentes dessa quadrilha? Estamos curiosos para saber, pois finalmente começamos a ver luz no fim do túnel. Pela primeira vez, o Poder Público atua para repreender crimes dessa natureza.

Coincidência ou não, um dos presos também coleciona carros antigos, assim como o “santo profeta” Aldo Bertoni.

Vocês conhecem um certo lugar em que praticam o mesmo tipo de crime? Onde o líder explora a fé das pessoas para amealhar dinheiro fácil e possui muitos amigos empresários que também se valem da imunidade tributária da igreja?

Quem sabe, após esta primeira iniciativa, a PF também não pegue o Aldo Bertoni e sua quadrilha.

Fiquemos todos com Deus.

Anúncios

O Verdadeiro Traidor – Parte 02

2 out

Foto tirada a partir de um celular, de um porta retrato existente na sala de uma das casas do Aldo Bertoni. Junto com esta, há diversas outras fotos onde Aldo está totalmente vestido de branco, acompanhado de pessoas que nunca vimos na Igreja Apostólica. Será realidade o testemunho de muitas pessoas que conhecem bem o “santo profeta” e garantem que Aldo Bertoni é, na verdade, um Pai de Santo?

Na última postagem da série em reportamos algumas das “trairagens” do Aldo Bertoni sobre todos os apostólicos, gostaríamos de expor algo que a maior parte dos irmãos apostólicos e dos nossos leitores desconhecem. Trata-se de documentos obtidos em um processo movido pelo ex-advogado e ex-supervisor de segurança do Aldo Bertoni, que prestou serviços a ele e à Igreja Apostólica entre os anos de 1994 e 2004, o Sr. Manoel Floriano da Silva. Quem é da Sede pode ser que se lembre dele.

Clique nos links abaixo e, se quiser, você poderá baixar, imprimir e copiar os documentos abaixo e levá-los para que parentes, principalmente aqueles que ainda acreditam na santidade do Sr. Aldo Bertoni, possam examiná-los. São documentos que podem ser acessados por qualquer cidadão interessado na causa, no Fórum de Santo Amaro, em São Paulo.

Vejam, meus caros irmãos e amigos, mais um pouco do que Aldo Bertoni faz pelas costas de todos os apostólicos. Só não enxerga quem está cego pelo fanatismo religioso, pois se você ainda possui ao menos um pouco de massa encefálica pensante, certamente notará o tamanho do golpe do qual todos fomos vítimas.

Para que você possa compreender melhor, explicamos: trata, este processo, de uma cobrança judicial promovida por um ex-funcionário do Aldo Bertoni, que foi mais uma vítimas da desonestidade do “maior profeta de todos os tempos”. O homem prestou o serviço, Aldo disse que ia pagá-lo, e na hora “H”, simplesmente deu o “cano”. Isso é muito característico da Igreja Apostólica, lembram-se daquela corrente financeira “pirâmide” que aconteceu na Sede nos anos 80? Os bobos aqui depositaram muito dinheiro ali, sob a promessa do dinheiro retornar com um bom juro, pois diziam tratar-se de um investimento seguro, e quando chegava o momento de resgatar o dinheiro, vinha a “intimação” para que doássemos o dinheiro investido para a “santa igreja”. Fanáticos que éramos, doamos o dinheiro, e hoje sabemos bem onde esses recursos foram aplicados, não é? Vamos deixar apenas esse exemplo de calote do Aldo Bertoni, mas há muitos outros.

Pois bem, meus caros, leiam a petição do ex-supervisor de segurança e advogado do “santo primaz” e conhecerão um pouco do verdadeiro Aldo Bertoni, aquele que age pelas nossas costas, fora das paredes da igreja. Lembrem-se: estes depoimentos foram prestados à Polícia Civil do Estado de São Paulo e ao Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, e o Sr. Manoel poderia até ser preso por falso testemunho caso mentisse. Para que você melhor possa compreender o episódio, leia a Petição inicial:

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 1

Vejam, meus caros, que não é apenas os apostólicos que Aldo Bertoni trata com desprezo e desdém, muitas vezes atendendo-os apenas na calçada da igreja, sem dar muita importância ao que dizem. Vejam a reclamação do advogado e supervisor de segurança para quem Aldo Bertoni devia dinheiro:

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 2

Lendo o documento abaixo, nos lembramos do caso do Sr. Kleberson Calanca, o ex-regente, ex-arranjador e um dos fundadores da OFIA (Orquestra Filarmônica da Igreja Apostólica), que após descobrir que sua própria prima era amante do “santo profeta” Aldo Bertoni, resolveu sair da igreja e decidiu cobrar pelos arranjos que havia feito para igreja, pois entendia que Aldo Bertoni estava lucrando alto sobre seu trabalho. O rapaz também firmou acordo com a direção da “santa igreja”, recebeu uma parcela e depois também recebeu o “calote” do santo. Vejam o documento abaixo, e constatarão que Aldo já fez este tipo de coisa outras vezes.

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 3

No próximo documento, verão como Aldo Bertoni tem experiência em “enrolar” o Poder Judiciário, sempre se valendo de artimanhas para postergar o máximo possível as decisões judiciais de seus processos. Neste caso, vale até tentar confundir o juiz se valendo da troca de moeda. Vejam o documento:

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 4

Uma pergunta a ser feita para os apostólicos defensores da “santidade” do Aldo Bertoni: por que ele só anda em carrões blindados? Será que não confia na segurança que ele próprio diz conferir a quem confia nele? Cadê a confiança na “proteção dos céus”? Onde está o “santo Elias” que Aldo vive dizendo ser o “companheirão” dele? Vejam o documento abaixo e tentem responder a estas questões!

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 5

O mais inquietante e impressionante documento, meus caros amigos, é o encontrado abaixo. Leiam-no minuciosamente. Nele, o ex-advogado e ex-supervisor de segurança do Aldo Bertoni faz declarações à polícia muito esclarecedoras. Vejam só, ao ficar exaltado com um diretor da Mitsubishi  que lhe cobrava dívida de mais de 1 milhão de reais, Aldo Bertoni, o “santo profeta“, ameaçou DAR UM TIRO no executivo da montadora, na presença de várias testemunhas. Percebem a prepotência do Aldo Bertoni? Percebem como ele crê piamente que sempre poderá escapar da justiça graças às suas influências junto a poderosos e ao seu dinheiro, todo roubado do povo apostólico? Aliás, é ESSA DÍVIDA que foi paga com o nosso dinheiro doado à “Campanha do Jubileu”, lembram-se?

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 6

Neste mesmo documento, meus caros, vocês verão como Aldo Bertoni age como um verdadeiro “pistoleiro” contra aquelas pessoas que contrariam seus interesses. Entendem por que nos mantemos ocultos desde o princípio? Pela primeira vez tivemos acesso a um documento que detalha este fato de forma tão direta.

Para aqueles que insistem em dizer que Aldo Bertoni não responde a processos na justiça, veja o documento abaixo, onde o mesmo admite responder a vários processos. Vejam também como Aldo age ilegalmente ao deixar de recolher o INSS de alguns de seus funcionários:

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 7

Vejam também o próprio Aldo Bertoni declarando oficialmente à polícia que é COLECIONADOR DE ARMAS DE FOGO, entre outras declarações assustadoras. Meus caros, tentem responder: O QUE FAZ UM “SANTO PROFETA” FICAR TÃO PREOCUPADO EM COLECIONAR ARMAS DE FOGO, QUE SÓ SERVEM PARA MATAR E CUSTAM MUITO CARO, ENQUANTO A IGREJA APOSTÓLICA VIVE ÀS MÍNGUAS, SEMPRE EM CRISE FINANCEIRA, SEMPRE EM CAMPANHA PARA ARRECADAR O NOSSO DINHEIRO?

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 8

No próximo documento, percebam como Aldo Bertoni é escorregadio, e faz de tudo para retardar o bom andamento dos trabalhos da justiça. Como os Oficiais de Justiça NUNCA o encontram, este aqui teve até que intimar uma das empregadas do Aldo Bertoni:

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 9

Por fim, meus caros, leiam o documento abaixo na íntegra. Trata-se de uma decisão do Meritíssimo Doutor Alexandre David Malfatti, que na época era Juiz de Direito da 7ª Vara Cível do Foro Regional II da Capital do Estado de São Paulo. Vejam só que fato mais vergonhoso a todos os apostólicos: seu líder leva um “pito” do Juiz por querer que o POVO APOSTÓLICO pague por sua dívida pessoal.

Vejam algumas palavras do Dr. Alexandre David Malfatti:

“O que se revelou inusitado foi a Igreja embargante assumir a dívida pessoal do embargante Aldo Bertoni, iniciativa reprovável sob vários aspectos e que demandarão providências. (…). Trata-se de disposição contrária à moral e aos bons costumes, violando-se os princípios da boa-fé e da probidade. Repita-se: como aceitar que a Igreja assuma dívidas pessoais do pastor Aldo Bertoni? Significa passar por cima da fé de quase duzentas mil pessoas que, segundo parece, não sabem que suas contribuições para a igreja estão sendo desviadas.”

Processo contra Aldo Bertoni – Parte 10

Vejam, caros amigos, não são palavras nossas, mas do Juiz. Foi daí que se iniciaram as diversas investigações e  processos a que Aldo Bertoni responde ainda hoje na justiça. Não fomos nós que iniciamos todas essas investigações, e sim a própria justiça!

É impressionante, meus caros, como um tamanho traidor da confiança do povo apostólico, como é Aldo Bertoni, ainda seja tratado como “herói” por muitos coitados daquele povo. Não há outra explicação para tamanho disparate: tudo nos faz crer que o povo sofre com algum tipo de amarração espiritual para manter tantas pessoas cegas.

Tudo está aí, e a autenticidade pode ser conferida no próprio Fórum de Santo Amaro, em São Paulo, onde o processo encontra-se arquivado. Depois, ninguém poderá dizer que não conhece Aldo Bertoni.

Fiquemos todos com Deus.